Publicidade
Esportes
Craque

Real vende Di María para Manchester United na maior transação do futebol espanhol

O atleta que foi destaque na Copa do Mundo foi negociado por 75 milhões de euros. De quebra, o meio-campista se tornou o jogador argentino mais caro da história 26/08/2014 às 15:16
Show 1
Di Maria foi contratado pelo United junto ao Real Madrid por 75 milhões de euros.
ACRITICA.COM Manaus (AM)

O Manchester United anunciou oficialmente na tarde desta terça-feira (26) a contratação do meia Ángel Di Maria, pela bagatela de 75 milhões de euros (cerca de R$ 217 milhões). Com o negócio fechado veio a quebra de alguns recordes, como o fato de ser a maior negociação do Real Madrid e do próprio futebol espanhol. Assim como o valor desembolsado pelo time britânico ser o mais alto já pago por um clube inglês.

Antes do acordo que levou Di María até Old Trafford (casa do Manchester), a maior venda da história do Real Madrid era a transação de 45 milhões de euros que encaminhou o alemão Mesut Ozil ao Arsenal, em 2013. O meia se torna o jogador argentino mais caro da história do futebol mundial, superando a transação que levou Hernán Crespo do Parma à Lazio por 55 milhões de euros.

Em sua conta no twitter, os Diabos Vermelhos (apelido do clube) divulgaram uma declaração do recém-contratado. "Estou empolgado em me juntar ao Manchester United. É o único clube que eu escolheria para deixar o Real Madrid", afirmou Di María no microblog.

Um dos destaques da Seleção Argentina na conquista do vice-campeonato Mundial no Brasil e também peça chave no triunfo dos merengues na Champions League. Di María se despediu dos colegas de Real Madrid no domingo (24), e viajou para a Inglaterra nesta segunda-feira (25). Já em Manchester, passou por uma bateria de exames médicos, antes de assinar como novo jogador do United.

Com a camisa dos Diabos Vermelhos, o maior desafio do novo reforço é recolocar o United no caminho das vitórias. O time comandado pelo treinador holandês Louis Vaan Gaal não vai disputar nenhuma copa européia e o início de Premier League é desastroso. A expectativa dos torcedores do Manchester é de ver as atuações do argentino ao lado de Mata, Rooney e Van Persie.