Publicidade
Esportes
Craque

Representante de jiu-jitsu garantido em Abu Dhabi

Iran Mascarenhas venceu a seletiva européia realizada em Estocolmo, na Suécia, e garantiu presença no torneio do jiu-jitsu mundial na atualidade 29/11/2012 às 07:59
Show 1
No Oriente Médio Iran (centro) não terá dificuldades com o calor
Leanderson Lima ---

O Amazonas terá mais um representante no Abu Dhabi Jiu-Jitsu Pro 2013. Aos 34 anos, o faixa-preta terceiro grau, Iran Mascarenhas venceu a seletiva européia realizada em Estocolmo, na Suécia, e garantiu presença no mais bem remunerado e prestigiado torneio do jiu-jitsu mundial na atualidade.  Só para ter uma idéia, o campeão levará para casa nada menos que um prêmio de 15 mil dólares em dinheiro. O torneio será disputado nos dias 11,12 e 13 de abril de 2013.

Mascarenhas lutou na categoria até 92 kg, mas vai disputar o torneio na categoria até 83 kg. Para bater o peso ele só precisará perder mais três quilos. “Vai ser tranquilo”, avisa. O lutador amazonense jamais havia participado do torneio. “Isso é um sonho pra mim (participar do Abu Dhabi Pro), porque já fui campeão brasileiro e terceiro lugar no Mu ndial, mas nunca havia participado do Abu Dhabi”, comemora.

Para ficar na “ponta dos cascos” para o desafio, Iran vem encarando uma programação de treinos bastante exaustiva. “São dez treinos de jiu-jitsu por semana e mais a preparação física com muito trabalho aeróbico com cross fite, corrida e musculação”, revela. Além disso, o lutador ainda tem que dividir o tempo entre os treinos e o trabalho como professor de jiu-jitsu.

Adversários

O lutador, que vive na Dinamarca, aproveitou para eleger também os seus maiores concorrentes ao título. “Os adversários mais perigosos são o  Claudio Calasans, Alan do Nascimento e Victor estima”, analisa.

Calor?

A temperatura nos Emirados Árabes chega a 50 graus durante o dia. Um problema e tanto para a maioria dos lutadores. Não para Iran. Acostumado ao calor amazônico ele revela que não vai ter problemas para superar esse “pequeno obstáculo”. “No mês de abril a Dinamarca já está mais quente com dez graus. Mas eu vou chegar aos Emirados Árabes uma semana antes, então dá tempo para se adaptar ao calor”. Iran, que é irmão do mestre Ajuricaba Mascarenhas, aproveitou para mandar aquele alô para a família e os amigos. “Aproveito para mandar um abraço a todos. Se não fosse por eles eu não estaria onde eu estou”.