Publicidade
Esportes
Craque

Rickson Gracie voltará aos ringues como árbitro

O ex-lutador, um dos maiores expoentes da família Gracie - criadora do UFC, no caso, Rorion Gracie -, assinou contrato de três anos com a “SportPar”, empresa responsável por promover e organizar o novo evento “Mestres do Combate  18/09/2012 às 09:20
Show 1
Rickson Gracie, ex-lutador
Jornal A Crítica Manaus

Rickson Gracie vai voltar ao MMA, mas não propriamente dentro de um ringue ou uma jaula. O ex-lutador, um dos maiores expoentes da família Gracie - criadora do UFC, no caso, Rorion Gracie -, assinou contrato de três anos com a “SportPar”, empresa responsável por promover e organizar o novo evento “Mestres do Combate”.

A informação foi divulgada no fim de semana pela coluna “Radar on-line”, do jornalista Lauro Jardim, na home page da revista “Veja”.

O novo torneio de MMA surge com o objetivo de fazer frente ao Ultimate e já tem sete eventos marcados até o fim de 2013. Os dois primeiros serão realizados em novembro, um no Rio de Janeiro e outro em São Paulo.

Ainda segundo a coluna, Rickson vai atuar como juiz de cada combate em caso de empate. O carioca está com 53 anos e também fez história no jiu-jítsu. No MMA, tem uma carreira de 11 lutas de MMA e 11 vitórias, todas por finalização. Ele competiu duas vezes no extinto evento japonês “Pride” e se aposentou em maio de 2000.

Cachê
Rickson é criticado por ter dito, aos 50 anos, que só lutaria se lhe pagassem um cachê maior do que o de qualquer lutador.

“Não aceito ganhar menos que ninguém. Não aceito ganhar igual a ninguém”, disse o Gracie, em entrevista ao canal Sportv em 2008).