Publicidade
Esportes
Craque

Rio Negro mantém jogadores antigos e revigora projetos

De acordo com o técnico do Galo, Iane Geber, seis jogadores que foram titulares da equipe este ano devem permanecer no time 23/11/2012 às 08:35
Show 1
Iane Geber trabalha conforme o orçamento permite
acrítica ---

Sem Jardel nem “o melhor time do campeonato”, o Rio Negro começou a definir o elenco para 2013 com uma filosofia mais modesta. Prova disso é a permanência da base que levou o time às semifinais do segundo turno do Estadual deste ano, somada com a valorização de jovens jogadores do Amazonas.

De acordo com o técnico do Galo, Iane Geber, seis jogadores que foram titulares da equipe este ano devem permanecer. “Tenho o Pastor, Adriano, Paca, o Maranhão, o Smith e o Delciney, além do Greg, que estava no Operário. Esse pessoal eu vou aproveitar”, adiantou. Além destes, o treinador aguarda quatro reforços do futebol paraense.

Para completar o elenco, Geber pretende utilizar jogadores que estavam nas categorias de base do Rio Negro e de outras equipes. “É um projeto em que o time não será desfeito no ano posterior. Jogadores de 20 anos que permaneceram dessa temporada serão aproveitados. Tem também três garotos de Tefé, que vão fazer testes no time”, revelou.

Iane Geber comandou os Barriga Preta em 13 dos 20 jogos do clube no Campeonato Amazonense deste ano e teve um aproveitamento de 46%, com cinco vitórias, cinco derrotas e três empates. A campanha ajudou o Galo a se livrar do rebaixamento nas rodadas finais e garantir vaga na semifinal do segundo turno, quando foi eliminado pelo Fast nas cobranças de pênaltis.