Publicidade
Esportes
Craque

Saiba tudo o que rolou nas ‘Seis horas de São Paulo’

Quinta etapa do Campeonato Mundial de Marcas, o Fia World EnduranceChampionship (FIA MEC), organizada pelo bicampeão Mundial de Fórmula 1, Emerson Fittipaldi 17/09/2012 às 10:34
Show 1
Alexander Murz e Lapierre festejam a vitória nas “Seis horas de São Paulo”
Lorenna Serrão São Paulo

Um espetáculo de automobilismo com atrações para toda família. Assim foi as “Seis Horas de São Paulo”, quinta etapa do Campeonato Mundial de Marcas, o Fia World EnduranceChampionship (FIA MEC), organizada pelo bicampeão Mundial de Fórmula 1, Emerson Fittipaldi, que trouxe para o Brasil um espirito de Le Mans. A competição, que aconteceu pela primeira vez no País, foi realizada no último sábado no autódromo de Interlagos, na capital paulista e teve como vencedor, o Toyota TS030, pilotado pelo austríaco Alexander Murz e pelo francês Nicolas Lapierre.

O segundo lugar ficou com o Audi R18 e-tron quatro, comandando pelo suíço Marcel Fässler, pelo alemão André Lotterer e o francês Benoit Tréluyer. E o terceiro com o Audi R18 ultra do dinamarquês Tom Kristensen, do britânico Allan McNish e do brasileiro Lucas Di Grassi.

Apesar do público tímido, Fittipaldi disse estar bastante satisfeito com o resultado. Ele acredita que quem compareceu a Interlagos, no sábado, voltou para casa encantado com o viu.

“Estou muito feliz, acho que foi um sucesso. Adorei a interação. A participação das mulheres e das crianças foi a melhor parte, pois mostrou que o evento é realmente familiar. Quem acompanhou as “Seis Horas de São Paulo”, viu mais que uma corrida e saiu daqui bem contente”, afirmou o ex-piloto.

Ajustes para 2013
Fittipaldi também falou sobre alguns ajustes para o próximo ano. “Nós não imaginávamos que a quantidade de pessoas querendo visitar os boxes seria tão grande. Lamento porque muitas delas, infelizmente, tiveram que ficar de fora, por isso, no próximo ano haverá uma janela maior para que mais pessoas possam ter acesso aos carros. Também queremos organizar um concurso de elegância, com os carros mais bonitos das exposições”, pontuou o consagrado ex-piloto.

Sobre o resultado da corrida, Fittipaldi disse que ficou surpreso com a vitória da Toyota e com o desempenho do brasileiro Lucas Di Grassi.

“O carro da Toyota foi espetacular, surpreendeu todo mundo, assim como o Lucas que durante os dois dias de treino cravou os melhores tempos dos pilotos da Audi e superou inclusive os campeões das 24h da Le Mans, Kristensen e Allan McNish. Hoje (sábado) ele ficou com o terceiro lugar, um bom resultado se pensarmos que esta é primeira vez que ele corre nesta categoria”, finalizou o organizador.

O Mundial Endurance terá ainda mais três provas este ano, com seis horas de duração: dia 29, em Bahrein, 14 de outubro no Japão e 28 de outubro, em Xangai.

*A repórter viajou a convite da organização do evento.