Publicidade
Esportes
Lavada

Seleção Brasileira masculina de polo aquático goleia China por 17 a 4

O Brasil venceu na rodada de abertura e agora enfrenta a poderosa seleção dos Estados Unidos pela sequência do torneio 13/05/2016 às 10:16
Show bernardo gomes fina.org
Bernardo Gomes marcou dois gols da vitória brasileira (Divulgação: FINA)
acritica.com Manaus (AM)

O polo aquático masculino brasileiro passou facilmente pela China, na abertura da rodada desta quinta feira (12) pela fase preliminar da Liga Mundial, em Yokohama, no Japão. A seleção brasileira derrotou a equipe chinesa por 17 a 4, parciais de 5-1, 5-1, 2-0, 5-2. Nesta sexta- feira (13), os brasileiros enfrentam os americanos, de quem venceram nos pênaltis na disputa da medalha de bronze da Liga Mundial do ano passado, e para quem perderam na decisão dos Jogos Pan-Americanos de Toronto 2015.

Os gols brasileiros na goleada sobre a China foram de Josip (3), Guilherme Gomes (2), Ives (2), Ádria (2), Bernardo Reis (2), Perrone (2), Grummy, Felipe Silva, Bernardo Gomes e Jonas.

A seleção brasileira, medalhista de bronze em 2015, passou como um "trator" sobre a jovem equipe chinesa, construindo uma vantagem de 10 a 2 já no meio da partida. O desafio agora é o invicto time dos Estados Unidos. O treinador da equipe brasileira, Ratko Rudic, tinha alertado os seus jogadores para a utilização de uma defesa básica, preocupado com erros defensivos e um ataque ineficaz na derrota da véspera para a Austrália, e ficou satisfeito com a resposta.

“Em alguns momentos, observei algumas das coisas que tinha pedido aos jogadores para fazer. Com a continuidade do jogo e a obtenção de grande vantagem, não houve mais intensidade e, automaticamente, os jogadores perderam um pouco de concentração. Mas, no geral, foi uma exibição positiva. Espero que o jogo de hoje nos motive para o jogo contra os EUA”,  disse Rudic.

A seletiva no Japão vai até o dia 15 e vai selecionar quatro equipes para se juntarem a Grécia, Sérvia e Itália, classificados na seletiva europeia, encerrada no dia 10. Mas a China, anfitriã da Super Final, de 21 a 26, em Huizhou, está automaticamente classificada. Portanto, se os chineses estiverem entre os quatro mais bem classificados na classificatória de Yokohama, a equipe quinta colocada também garantirá sua vaga.

Nos outros jogos desta quinta-feira (12), vitória apertada da Austrália sobre o anfitrião Japão por 7 a 5 (3-1, 1-1, 1-1, 2-2), com três gols do japonês Koji Takei; e fácil triunfo dos EUA sobre o Cazaquistão por 19 a 7 (5-3, 4-1, 3-1, 7-2), com nove gols de Bret Bonanni e dois do capitão Tony Azevedo.