Publicidade
Esportes
Craque

Técnico do Iranduba diz que desgaste pesou na derrota

Fernando Lage acredita que o pouco tempo de recuperação do desgaste muscular prejudicou o time 15/05/2012 às 09:38
Show 1
Fernando Lage, técnico do Iranduba
Jornal A Crítica Manaus

O técnico do Iranduba, Fernando Lage, disse nesta segunda-feira (14) que a maratona de jogos e o pouco tempo de recuperação do desgaste muscular prejudicou o time. Na partida de ida, o Hulk acabou derrotado por 2 a 0.

Lage considera que o ideal seria ao menos 64 horas de descanso para recuperar sua equipe a contento com objetivo de reverter a vantagem. Para ser campeão do segundo turno, a equipe sob comando do português tem de ganhar por três gols de diferença por. Se vencer por 2 a 0 ou 3 a 1, a disputa irá para as penalidades. 

“Não há como se recuperar com tão pouco tempo. Os jogos finais são muito desgastantes”,  justifica o treinador.

Ainda assim, Lage  acredita que seu time reverta a vantagem. “É só fazer um gols nos minutos iniciais e manter a pressão no ataque. temos equipe para isso. No primeiro jogo o Fast jogou bem, mas estávamos com dois jogadores doentes em campo, o Fabrício (lateral) e o Juan (atacante), ambos com febre alta. Além disso, jogamos desfalcados do Junior. Para piorar, o primeiro gol do Fast aconteceu quando o William (zagueiro) estava sendo atendido fora de campo”, enumerou o técnico.

Com intuito de economizar energia e músculos para o jogo de volta, diretoria e comissão técnica do Hulk farão apenas um treino leve hoje de manhã e na quart-feira, dia da partida.