Publicidade
Esportes
Craque

UFC retira o cinturão de Jon Jones e ele é suspenso por tempo indeterminado

O Ultimate anunciou que Daniel Cormier será o rival de Anthony Johnson no combate que vale o título, no UFC 187. 29/04/2015 às 09:52
Show 1
Jones não é mais campeão dos meio-pesados
ACRITICA.COM ---

Depois de se envolver em um acidente de carro no qual fraturou o braço de uma mulher grávida e não prestar socorro à vítima, além de ter maconha encontrada em seu veículo, o lutador de MMA, o norte-americano Jon Jones perdeu o cinturão dos meio-pesados do UFC.

O anúncio oficial foi feito pelo próprio presidente da organização Dana White, ao programa “Fox Sports Live”, em que se mostrou desapontado com as atitudes do ex-campeão e não teve dúvidas em puní-lo desta maneira.

No primeiro incidente envolvendo Jones, quando ele foi flagrado no exame antidoping por uso de cocaína, o UFC não puniu o atleta e ainda o encaminhou para uma clínica de reabilitação. Jon Jones ficou apenas uma noite no local.

“Ele está muito chateado com essa situação, mas tomamos a atitude que tinha que ser feita. Para nós isso não foi legal e o show precisa seguir em frente. O Jones queria ser reconhecido como um dos melhores, então está muito desapontado”, afirmou Dana.

Com o cinturão vago e a suspensão do norte-americano por tempo indeterminado, o Ultimate anunciou que Daniel Cormier será o rival de Anthony Johnson no combate que vale o título, no UFC 187.