Publicidade
Esportes
Craque

Vila Olímpica de Manaus será apresentada às delegações desportivas de Londres

O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos Rio 2016 apresentará as instalações dos centros oficiais de treinamento do Brasil, através de um guia online, as delegações estrangeiras 09/07/2012 às 13:59
Show 1
Vila Olímpica será apresentada às delegações desportivas que vão disputar as Olimpíadas de Londres
Acritica.com Manaus

O Comitê Organizador dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos Rio 2016 apresentará as instalações dos centros oficiais de treinamento do Brasil, entre eles a Vila Olímpica de Manaus, através de um guia online, as delegações estrangeiras para que comecem a escolher os locais para concentração, aperfeiçoamento físico e adaptação dos atletas ao clima nacional.

Escolhida como centro oficial para o treino das delegações de judô e tênis de mesa, a Fundação Vila Olímpica Danilo Duarte de Mattos Areosa, que fica no bairro Dom Pedro, zona centro-sul de Manaus, também pretende receber atletas de outras modalidades como a natação e o atletismo. Para isso, a Secretaria de Estado da Juventude, Desporto e Lazer (Sejel) apresentou ao Ministério do Esporte um projeto de reforma do complexo esportivo. Orçado em R$ 7 milhões, a recuperação contempla melhorias no parque aquático e na pista de atletismo.

Segundo o diretor-técnico da Fundação Vila Olímpica, Ariovaldo Malizia, mesmo antes do início do período de negociações com os comitês internacionais, cinco delegações já manifestaram interesse pela capital amazonense como opção de pré-jogo para os atletas.

“Nossa meta é atrair doze delegações e contamos com o importante apoio do presidente da Confederação Brasileira de Atletismo, Roberto Gesta de Melo, e do presidente da Confederação Brasileira de Natação, Uraci Nunes. O comitê olímpico é o responsável pela divulgação dos centros de todo o Brasil”, disse.

As delegações estrangeiras negociam diretamente com os Estados os termos de utilização dos equipamentos nos complexos esportivos. Após conhecerem as instalações, os países enviam emissários para fazer o levantamento final das informações sobre os locais para o pré-jogo. Recebendo os atletas estrangeiros que vão participar dos jogos no Brasil, as cidades ganham visibilidade, incremento econômico e fazem parte do calendário de divulgação e promocional nacional e internacional do Comitê Organizador da Olimpíada Rio 2016.