Publicidade
Esportes
Craque

Vilhena enfrenta viagem de quase 24 horas para jogar contra o Penarol em Itacoatiara

Time do interior de Rondonia atravessa o estado até chegar à capital Porto Velho, de onde segue em avião para Manaus 06/07/2012 às 16:34
Show 1
Delegação do Vilhena durante viagem de ônibus
Carlos Eduardo Souza Manaus (AM)

O Vilhena Esporte Clube terá de viajar quase 24 horas para chegar em Itacoatiara, local do jogo com o Penarol, pela terceira rodada da Série D do Campeonato Brasileiro.

A Delegação deixou a cidade de Vilhena, localizada na BR 364, na divisa com o Estado do Mato Grosso em direção à capital Porto Velho (RO), por volta das 15 horas desta sexta-feira. São quase 800 quilômetros de ônibus.

O time vai chegar por volta de quatro horas da manhã em Porto Velho, pois no percurso a delegação vai parar para o jantar em Ji Paraná (RO).

Ao chegar em Porto Velho a delegação vai para o aeroporto, onde aguardará o voo para Manaus. A delegação deve chegar por volta das nove horas no Aeroporto Eduardo Gomes. O time ainda vai fazer uma parada para o café da manhã.

Depois a delegação segue novamente de ônibus para a Velha Serpa. São mais 276 quilômetros de estrada e, com estimativa de mais cinco horas até o local do jogo, isso sem contar uma parada para almoço no Distrito de Lindóia. A previsão de chegada, segundo o presidente do clube, José Carlos Dalanhol, o Gaúcho, é para as 15 horas.

“Não sei como está a estrada, mas uma viagem de ônibus é cansativa. Sabemos que vamos chegar exaustos, mas a Série D é assim mesmo. Mas o Penarol vai fazer o mesmo trajeto no jogo da volta”, disse o presidente.

O Vilhena enfrenta o Penarol no domingo, às 16 horas, no Estádio Floro de Mendonça, em Itacoatiara. O time venceu o Remo (PA) e divide a liderança do Grupo A1 da Série D com o próprio Remo e o Atlético Acreano (AC)