Publicidade
Esportes
Craque

Visando comemorar recorde de vitórias, diretoria do Nacional quer lotar a Colina

Caso vença o Operário na partida desta quinta-feira (23), o Leão da Vila Municipal ultrapassa o número de triunfos consecutivos do Estadual de 1974. Mulheres, crianças e idosos tem entrada gratuita no duelo contra o Sapão 22/04/2015 às 11:25
Show 1
Nacional quer comemorar recorde de vitórias com a Colina lotada.
ACRITICA.COM Manaus (AM)

O Nacional busca sua 11ª vitória nesta quinta-feira (23), quando enfrenta o Operário, às 20h, no estádio da Colina, na Zona Oeste de Manaus. Caso do Leão da Vila Municipal vença a equipe de Manacapuru ultrapassa o próprio recorde de dez vitórias consecutivas. Feito conseguido há 41 anos no Campeonato Amazonense de 1974, quando o clube azulino venceu a competição.

Para a partida, a diretoria do Naça quer “casa cheia” e anunciou a venda de ingressos ao preço de R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia). Como o mando de campo será do Leão, as promoções estão de volta: crianças de três a 12 anos de idade não pagam. Assim como, homens com mais de 60 anos e as mulheres têm entrada gratuita também. No caso dos sócios, basta estarem quites com suas obrigações, dirigir-se à sede do clube e retirar o ingresso.

As entradas estarão à venda a partir das 9h, desta quinta, na sede do clube, localizada na rua São Luiz, em Adrianópolis, na Zona Centro-Sul, e na loja Sport Line Nell, na Avenida Sete de Setembro, no Centro da capital.

Preparação para o recorde

O elenco nacionalino realiza treino técnico e tático na tarde desta quarta-feira (22), às 15h30, no Centro de Treinamento Barbosa Filho, na Zona Leste. Onde o treinador Aderbal Lana deve definir os jogadores que irão para o jogo, que pode ser histórico. 

Na quinta, os trabalhos serão realizados pela manhã, a partir das 8h30, com um treinamento recreativo. Caso bata o Operário, o Naça alcança a sua 11ª vitória na competição e chega aos 33 pontos ganhos. Fato ocorrido pela última vez no Barezão de 1974, ano em que o time da Vila Municipal ergueu a taça ao final da competição.