Publicidade
Esportes
Craque

Volante Wellington sonha com Libertadores, mas liga o alerta no Morumbi

Volante tem um jogo pela competição continental com a camisa do São Paulo. Em 2009, ele participou da partida contra o Independiente Medellín, na Colômbia 13/11/2012 às 19:03
Show 1
Volante Wellington volta ao São Paulo
Acritica.com Manaus (AM)

Depois de duas edições, o São Paulo está muito próximo de voltar à Libertadores. Vaga que pode sair no próximo domingo diante do Náutico, no Morumbi. Disputar a principal competição nacional é um sonho para o volante Wellington, de apenas 21 anos.

Revelado nas categorias de base do Tricolor, Wellington fez um jogo na Libertadores. Em 2009, ele participou da partida contra o Independiente Medellín, na Colômbia. Já no ano seguinte, ele foi inscrito, mas não foi utilizado durante a participação são-paulina no torneio.

"Jogar competições internacionais sempre é muito bom e quero fazer isso com a camisa do São Paulo. Será muito bom jogar a Libertadores e quero ser campeão desta competição aqui no clube", ressaltou o camisa 5 são-paulino.

Apesar do desejo, Wellington liga o alerta no São Paulo. Para ficar com a vaga já no domingo, a equipe terá de vencer o Náutico e torcer para que o Botafogo não vença o Sport, na Ilha do Retiro. Mesmo com grandes chances de classificação, todo cuidado é pouco neste momento.

"Temos de entrar com toda a seriedade possível em campo e atenção redobrada no Morumbi. Estaremos jogando diante da nossa torcida, com a possibilidade de conquistar essa vaga, e temos de vencer", completou Wellington.

No domingo, o Morumbi deverá contar com um excelente público. O confronto poderá marcar a estreia de Paulo Henrique Ganso, que será relacionado por Ney Franco. Para Wellington, isso só dará mais confiança para o time conquistar os objetivos.

"Fico muito feliz com a volta do Ganso, que é um jogador de muita qualidade. E eu espero que a torcida possa lotar o Morumbi mais uma vez e nos apoiar do início ao fim", concluiu o volante, que voltará ao time após cumprir suspensão automática diante do Grêmio, em Porto Alegre.