Publicidade
Esportes
Craque

Vôlei: brasileiras se despedem das areias com 1.016 vitórias

Larissa e Juliana encerram a carreira incrível e já sentem saudade das praias 10/12/2012 às 09:33
Show 1
Circuito BB: Na despedida de Larissa (acima), a dupla foi medalha de bronze
acritica.com ---

Por quase uma década, Juliana e Larissa colocaram o Brasil no topo do vôlei de praia. Foram 1.016 vitórias, 109 títulos e 165 pódios, em nove anos. Conquistaram ao longo desse tempo o heptacampeonato do circuito mundial, o penta brasileiro, o bi Pan-Americano, um Campeonato Mundial e o bronze nos Jogos Olímpicos de Londres-2012. Ontem, a dupla se despediu das areias da modalidade com o bronze da etapa carioca do Circuito Banco do Brasil.

“É um momento que mistura muitas emoções para mim. Ao mesmo tempo estou triste, por estar encerrando não só uma dupla, mas uma história que foi muito bonita e teve tantos momentos marcantes e felizes, por ter sido uma decisão minha e da qual tenho absoluta certeza. Não mudaria nada, nem uma vírgula, na nossa história. O começo vai ser difícil, vou sentir falta, mas preciso ser forte. Já falei com o Reis que vou aparecer para bater bola com ele de vez em quando e vou seguir assistindo aos jogos. Quero que a Juliana seja muito feliz na sequência da carreira dela. Vamos estar sempre juntas”, disse bastante emocionada Larissa.

Na disputa do terceiro lugar, a cearense e a paraense superaram Karin e Shaylyn por 2 sets a 1, parciais de 21-15, 16-21 e 15-12). Também emocionada, Juliana agradeceu a parceira por esses anos todos juntas, e conformou que em 2013 fará dupla com Maria Elisa.

“Foi uma história exemplar. Apanhamos juntas, crescemos muito uma com a outra e superamos todas as dificuldades. Foram muitos momentos de alegria e de vitórias. Aprendi muito com a Larissa e vou levar tudo isso para minha carreira e para minha vida pessoal também. Agora quero aproveitar esse final de ano para descansar e recarregar minhas baterias para recomeçar uma nova história com a Maria Elisa”, afirmou a experiente jogadora.

Não foram apenas as conquistas que deram brilho à carreira da dupla. Várias marcas também foram quebradas por elas. Juliana e Larissa foram a parceira que mais vezes ganhou o Circuito Mundial (sete), ganhou o maior número de etapas (44) e a maior quantidade de títulos numa temporada (oito em 2009). Ainda no cenário internacional, disputaram o jogo de maior pontuação na história do esporte. Em 2005, na final do torneio mexicano, contra as norte-americanas Walsh e May: 2 sets a 1 , com parciais de 28-26, 40-42 (isto mesmo!) e 15-13.

Vindo para as terras tupiniquins, elas detêm a maior invencibilidade de jogos (60), de títulos consecutivos (11) e de vitórias em uma temporada (onze em 2011). Por conta disso tudo, o técnico Reis Castro torce rapidamente para a volta de Larissa. “A Larissa é uma guerreira e dedicou sua vida à dupla nestes últimos dez anos. Agora ela precisa descansar e tomou a decisão correta. Espero que ela decida voltar depois de um ano para representar o Brasil nos Jogos Olímpicos de 2016”, disse ele.