Publicidade
Esportes
Cotidiano, Aviação, Gol linhas aéreas, Voo, Belem

Voo da Gol, com destino a Manaus, retorna para Belém após falha técnica

Boeing 737 teria apresentado problemas no sistema de intercomunicação, o que fez com que o comandante da aeronave retornasse para o aeroporto, logo após levantar voo 31/07/2012 às 18:06
Show 1
Aeronave retornou para o aeroporto de Belém, minutos após decolagem, em virtude de falha técnica
Síntia Maciel Manaus

Uma falha no equipamento de bordo de um Boeing 737, da empresa Gol Linhas Aéreas, que fazia o voo G3 1642, saindo de Belém (PA), com destino a Manaus (AM), e escala em Santarém (PA), transportando 160 passageiros, fez com a aeronave retornasse para o aeroporto Val-de-Cans, em Belém, na tarde desta terça-feira (31).

Agentes da Polícia Federal foram acionados para averiguar uma possível irregularidade no interior do avião, e de acordo com informações repassadas pela assessoria da PF, se tratava apenas de uma falha técnica da aeronave.

Tanto os passageiros quanto a tripulação do voo G3 1642 foram ouvidos pelos agentes federais, que salientaram que todos aparentavam tranquilidade dentro do avião, e que o retorno para o aeroporto, após a decolagem, seria uma norma padrão na aviação.    

A Gol Linhas Aéreas por meio de sua assessoria, divulgou uma nota, na qual informa que a aeronave partiu às 13h54 de Belém, com destino a Santarém, e retornou ao aeroporto de origem, em razão de problemas técnicos no sistema de intercomunicação. Após análise, a aeronave foi liberada para voo e decolou às 17h.