Publicidade
Amazônia
Cotidiano,Meio ambiente,Código Florestal,MP 571/12,Comissão Mista,WWF,Floresta Faz a Diferença,#OjogoNãoAcabou,#vetadilma

Campanha Floresta faz a Diferença divulga o que considera as piores emendas ao Código Florestal

Um total de 696 emendas serão analisadas pela Comissão Mista que avalia a Medida Provisória que altera o Código Florestal 12/07/2012 às 15:10
Show 1
Em meio aos inúmeros protestos realizado na Rio +20, o #OjogoNãoAcabou também marcou presença
Síntia Maciel Manaus

Em meio os adiamentos da leitura do relatório final da Medida Provisória (MP) nº 571/12, que altera o texto do Código Florestal, lei nº Lei 12.651/2012, e a votação e análise das 696 propostas à MP, o Comitê Brasil em Defesa das Florestas e do Desenvolvimento Sustentável - integrado por 200 organizações da sociedade civil -, por meio da campanha Floresta faz a Diferença, divulgou o que considera as piores emendas ao documento final.

No site da campanha, além de conferir algumas das propostas, também é possível conhecer o parlamentare autoresde cada uma delas, e enviar um email para os integrantes da Comissão Mista, que analisa a  MP nº 571/12.   

O comitê responsável pelo termo “Veta Dilma”, bastante difundido nas redes sociais, na época em que o Código Florestal se encontrava em processo de análise pela presidenta Dilma Rousseff,  cunhou um novo mote para a segunda fase de avaliação da lei 12.651/12, “O Jogo Não Acabou, Vamos Apitar Esta Partida”.