Publicidade
Amazônia
Cotidiano, Meio Ambiente, Cheia, Rio Purus, Interior, Lábrea

Cheia do rio Purus atinge a zona rural de Lábrea (AM)

A única alternativa para escapar da cheia para alguns ribeirinhos é construir assoalhos dentro das casas até onde for possível. A expectativa é a de que a cheia deste ano seja semelhante a de 1997 05/03/2012 às 14:30
Show 1
Familias sobem assoalho para tentar escapar da alagação
Síntia Maciel Manaus

Mais de duas mil famílias ribeirinhas que moram em uma das 120 comunidades do município de Lábrea – situado a 703 quilômetros de Manaus -, já estão afetadas pela cheia do rio Purus. Muitas ruas que antes eram trafegáveis, se encontram comprometidas devido o nível da água, que em algumas casas estão a 20 centímetros do assoalho.  

Bom Futuro, Pupuri, Estação são algumas das comunidades localizadas a poucas horas da sede do município, onde as residências dos moradores, escolas, entre outros imóveis já foram tomados pelas águas.

Em algumas localidades onde os terrenos já foram inundados, os animais como porcos, galinhas e cachorros passaram a fazer parte do convívio de algumas famílias, porque tiveram que ser levados para dentro de casa.

A única alternativa para escapar da cheia para alguns é construir assoalhos dentro das casas até onde for possível. A expectativa de muitos ribeirinhos é a de que a cheia deste ano seja semelhante a de 1997.