Publicidade
Amazônia
Cotidiano, cheia, enchente, rio Negro, Rio Solimões, SNPH, Anori, Beruri, Anamã, Careiro da Várzea

Cota do rio Negro, no Amazonas, está 10 cm acima da cheia de 2009

No último final de semana, o rio Negro teve uma subida média de 6 centímetros, conforme informações repassadas pela SNPH 21/05/2012 às 13:28
Show 1
Cota do rio Negro no último final de semana subiu 6 centímetros
Síntia Maciel Manaus

O nível do rio Negro nesta segunda-feira (21) registrou a cota de 29,87 metros acima do nível do mar, de acordo com a informação da Superintendência de Navegação, Portos e Hidrovias do Amazonas (SNPH). A referida marca também está 10 centímetros da cota final registrada na cheia de 2009, que foi de 29,77 centímetros.

No último final de semana, o rio Negro teve uma subida média de 6 centímetros, conforme informações repassadas pela SNPH.

Considerada uma cheia histórica este ano, os reflexos da enchente em Manaus podem ser observados em 26 bairros, dos quais Presidente Vargas, São Raimundo e Glória são os mais atingidos.

Até esta segunda-feira, um total de 6.020 famílias afetadas pela cheia já haviam sido cadastradas pela prefeitura.

Dos 45 municípios – incluindo a capital Manaus -, afetados pela subida dos rios Negro e Solimões, quatro – Anamã, Anori, Beruri e Careiro da Várzea -, se encontram em estado de calamidade pública. O restante apenas em estado de emergência.