Publicidade
Amazônia
Cotidiano, Pesquisa, Saúde, Malária, Doenças Tropicais, FMT, Hospital Tropical, FAPEAM

Finaciamento de mais de R$ 370 mil auxiliará FMT nas pesquisas sobre malária e outras doenças

Estudos darão contribuição importante para os processos de diagnóstico e tratamento de doenças como malária, dengue, hantavírus e leishmaniose, que serão alvo do trabalho dos pesquisadores vinculados à instituição 23/10/2012 às 14:41
Show 1
Mais de 120 pesquisas se encontram em desenvolvimento na Fundação de Medicina Tropical
acritica.com Manaus

A Fundação de Medicina Tropical Dr. Heitor Vieira Dourado (FMT-HVD) obteve financiamento junto à Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas (Fapeam), para o desenvolvimento de sete novos projetos de pesquisa na área da saúde. Os recursos aprovados somam uma quantia superior a R$ 375 mil e serão repassados por meio dos programas Universal Amazonas e Primeiros Projetos, que tiveram os resultados divulgados pela Fapeam. Atualmente, a FMT-HVD tem em torno de 120 pesquisas em andamento, com nvestimentos de mais de R$ 26 milhões.

De acordo com a diretora-presidente da FMT-HVD, Graça Alecrim, as novas pesquisas deverão dar contribuições importantes para os processos de diagnóstico e tratamento de doenças como malária, dengue, hantavírus e leishmaniose, que serão alvo do trabalho dos pesquisadores vinculados à instituição.

“No caso das pesquisas desenvolvidas pela FMT-HVD, o estudo e a observação científica têm o objetivo principal de gerar conhecimento a ser aplicado na rotina de tratamento dos pacientes. As novas descobertas são, também, compartilhadas com a comunidade científica”, destacou.  

A chefe do departamento de pesquisa da FMT-HVD, Maria Paula Mourão, explica que os recursos dos estudos já em andamento são oriundos de diferentes instituições de fomento como o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), Fundação Bill e Melinda Gates, entre outras. No caso das novas investigações científicas, os investimentos são do Governo do Amazonas, por meio do Programa de Apoio à Pesquisa Universal Amazonas e do Programa Primeiros Projetos, ambos coordenados pela Fapeam.

Maria Paula Mourão destaca que a FMT-HVD obteve destaque no Edital nº 010/2011 do Programa Primeiros Projetos, tendo em vista que foi a única instituição que teve projetos aprovados na área de saúde.

Os projetos são “Desenvolvimento e otimização de Mansonella ozzardi por técnicas morfológicas e moleculares”, da pesquisadora Marilaine Martins; e “Leishmaniose Mucosa em populações da Região Amazônica”, do médico e pesquisador Jorge Guerra. A Mansonella ozzardi é uma filaria (parasita) que causa uma doença denominada mansonelose.  

A chefe do departamento de pesquisa ressalta, também, que três dos cinco projetos da FMT-HVD, aprovados pelo Edital nº 021/2011 do Programa de Apoio à Pesquisa Universal Amazonas, são voltados para os estudos de malária. Os outros dois estudos terão enfoque em dengue e hantavírus. Os cinco pesquisadores que irão desenvolver os trabalhos são Michele Bastos, Wuelton Monteiro, Graça Alecrim, João Bosco Lima e Marilaine Martins, que também teve aprovação nesse edital.