Publicidade
Amazônia
Amazônia

Livro traz detalhes da beleza das aves de Manaus

No total, são 137 espécies citadas na obra, lançada em comemoração aos 60 anos di Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa) 11/11/2012 às 17:49
Show 1
A obra foi elaborada pelo doutor em Zoologia Mário Conh-Haft e tem o objetivo de mostrar as espécies e chamar a atenção para a importância da preservação
Ana Célia Ossame Manaus

O canto dos pássaros e a observação deles é cada vez mais um atrativo turístico para a cidade encravada na maior floresta tropical do Planeta. E nas comemorações dos 60 anos de fundação do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa), a cidade vai ganhar o livro “Aves da região de Manaus” que traz a apresentação de 137 espécies mais comuns de Manaus.

A obra, elaborada pelo doutor em Zoologia Mário Conh-Haft, e curador da Coleção de Aves do Inpa, e de Ingrid Macedo, 34, bióloga e ornitóloga do instituto, com fotos de Anselmo d‘Affonseca, tem o objetivo de mostrar as espécies e chamar a atenção para a importância da preservação das áreas verdes. Nas proximidades da zona urbana de Manaus, é possível contabilizar mais de 500 espécies de pássaros, informam.

A ideia de elaborar o livro, segundo Ingrid, veio por conta das inúmeras solicitações de informações sobre aves recebidas pelo Inpa, principalmente de estudantes.

E da importância de reunir essas informações, frutos de estudos que vêm sendo feitos há mais de duas décadas na instituição de pesquisa. Situada no centro da região amazônica, a cidade de Manaus tem vários ambientes como terra firme, várzeas, campinas, igapós (matas inundadas) e florestas mais densas, preferidos por algumas espécies de pássaros.

E o crescimento da cidade, com a supressão da vegetação mais elevada, atrai para cá outras espécies. Ingrid cita os vários tipos de bem-te-vi, que nem sempre tem o peito amarelo, por isso muito confundido, e diz ser muito comum encontrar aqui aves da várzea, diante da transformação de vários ambientes locais como o de igarapés com a remoção da vegetação original e a plantação de capim.

A íntegra deste conteúdo está disponível na versão impressa ou para assinantes.