Publicidade
Amazônia
Amazônia

Novo representante do Unicef no Brasil visita o Amazonas nesta semana

O roteiro do norte-americano Gary Stahl, que assumiu o cargo em dezembro de 2011, inclui uma viagem ao Alto Solimões 07/02/2012 às 11:28
Show 1
Representante do Unicef visitará o município de Benjamin Constant (foto), no Alto Solimões
acritica.com Manaus

O novo representante do Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) no Brasil, o norte-americano Gary Stahl, iniciou nesta semana sua primeira visita a Estados brasileiros desde que assumiu o cargo no início de dezembro de 2011.

O Amazonas é um dos três Estados da Amazônia Legal que ele visitará. Stahl chega a Manaus na próxima sexta-feira (10).  

O roteiro inclui uma visita ao Alto Solimões, onde Gary se encontrará com parceiros locais e lideranças indígenas.

Ele também conhecerá o cartório do Hospital Municipal de Benjamin Constant, que tem sido referência no combate ao sub-registro de nascimento e na garantia do direito da criança indígena a ter o nome na língua materna expresso no documento.

A visita de Gary Stahl começou nesta segunda-feira (06), no Maranhão. Nesta quarta-feira (08) ele visita o Pará. Estão previstas audiências com os governadores Roseana Sarney e Simão Jatene, respectivamente.

Em todo o roteiro, o Gary Stahl será acompanhado pela representante-adjunta do UnicefF no Brasil, Antonella Scolamiero, e pelo gerente de mobilização de recursos e parcerias do UNICEF no Brasil, Wim Desmedt.

Em Manaus, também fará parte da comitiva o especialista do Unicef em Direitos da Infância Indígena e Afrodescendente para a Região da América Latina e Caribe, Miguel Hilario-Manenima.

Compromisso

Conforme informações da assessoria de imprensa do Unicef, a visita expressa o compromisso da instituição em fortalecer sua atuação na região.

 A Amazônia Legal brasileira permanece como um dos territórios prioritários no novo ciclo de cooperação do Unicef com o Brasil, que se inicia em 2012 e segue até 2016.

“Para o Brasil avançar ainda mais na garantia dos direitos de cada criança e adolescente, é essencial enfrentarmos as desigualdades e valorizarmos as diferenças. Como sabemos, a Amazônia Legal brasileira é umas das regiões com os mais preocupantes indicadores sociais do País. Os meninos e meninas da Amazônia merecem nossa atenção”, explica Gary.

Antes de assumir o Unicef no Brasil, Gary foi, por dois anos, representante da organização no Chile. Ele trabalhou também como Diretor Adjunto do Setor de Parcerias Públicas do Unicef,, em Nova Iorque, de 2004 a 2009.