Publicidade
Amazônia
Amazônia

Produtores de Matupi (AM) recebem apoio para criação de peixes

Cerca de 20 criadores residentes na região foram beneficiados. No próximo dia 02 de abril, serão entregues mais 30 mil alevinos a outros 20 piscicultores da localidade 28/03/2012 às 13:29
Show 1
Piscicultores conhecem manejo para obter sucesso na atividade
acritica.com Manaus (AM)

Piscicultores do distrito de Matupi, localizado no município de Manicoré (a 434 km de Manaus), receberam cerca 60 mil alevinos - filhotes de tambaqui, esta semana, da unidade local do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário Florestal e Sustentável do Amazonas - Idam/Matupi, para a criação de peixes. Cerca de 20 criadores residentes na  região foram beneficiados.

Conforme o Idam, a iniciativa oferece aos produtores a possibilidade de produzir peixes de procedência legal, em tanques ou açudes.  Ainda de acordo com ele, a iniciativa permite, também, melhorar a qualidade de vida do homem do campo.

“Objetivo da atividade é uma alternativa de venda para o comércio local” frisou Paulo Cesar Ferreira, técnico agropecuário do Idam. O técnico também enfatiza que a ação de distribuição de alevinos, também minimiza o desmatamento, uma vez que, a piscicultura é desenvolvida no mesmo espaço ocupado pela pecuária leiteira, do distrito de Matupi.

No próximo dia 02 de abril, serão entregues mais 30 mil alevinos a 20 piscicultores da localidade. A distribuição é fruto da parceria do Idam local, com a estação reprodutora de Porto Velho, que reproduz diversos peixes amazônicos como tambaqui, pirapitinga, pirarucu e matrixã.

A distribuição de alevinos é desenvolvida através do Projeto Piscicultura Familiar, da parceria entre Idam, Secretaria de Estado da Produção Rural (Sepror), Ministério da Pesca  e Aquicultura (MPA, prefeituras municipais e associações de produtores.

A iniciativa privada visa melhorar a disponibilidade em grande quantidade e qualidade  de alevinos para piscicultura familiar, através do aumento da produtividade, diminuição de perdas, sazonalidade e melhoria da eficiência do sistema de produção numa visão de desenvolvimento  com sustentabilidade.

Com informações da assessoria.