Publicidade
Amazônia
Amazônia

Representantes de pólo tecnológico italiano visitam incubadora do Inpa

O pólo tecnológico de Navacchio, da Itália, é referência por ter sido eleito o melhor pólo de 2010 por seu crescimento e por suas empresas incubadoras 20/02/2013 às 15:19
Show 1
Para o diretor substituto do Inpa, Estevão Monteiro de Paula, o mais importante nessa visita é a troca de conhecimento
Inpa ---

Para dar continuidade ao projeto "Ações para o Desenvolvimento de Sistemas Empresariais de Gestão e Inovação Tecnológica em Incubadora de Empresas do Estado do Amazonas", promovido pela Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa) e Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae/Am) em parceria com o Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI), uma comitiva do Pólo Tecnológico de Navarro, localizado na Itália, visitará o Inpa nesta quinta-feira (21) para reunião com empresários da incubadora do Instituto e coordenadores da Suframa e Sebrae.

O projeto é coordenado pela Fundação Centro de Análise de Pesquisa e Inovação Tecnológica (Fucapi). A proposta da visita é verificar os avanços que incubadoras amazonenses obtiveram até agora em sua estrutura, como o plano de marketing. “O objetivo da visita aqui no Inpa será mostrar a estrutura da nossa incubadora, sua equipe e as empresas incubadas. Tudo isso para preparar um futuro intercâmbio e mobilidade no mercado da Europa”, explica a coordenadora de Extensão Tecnológica e Inovação (CETI/Inpa), Rosângela Bentes.

Para o diretor substituto do Inpa, Estevão Monteiro de Paula, o mais importante nessa visita é a troca de conhecimento. “Temos muita experiência nessa área para trocar com eles, pois foi um esforço muito grande do Instituto chegar até aqui, então será uma integração muito importante. Vamos poder trocar informação de gestão e de estratégia, para que assim possamos nos adequar ao nosso foco, que é meio ambiente, inserindo a natureza em produtos para a população usufruir”, enfatizou.

Projeto

Em 2009 o pólo industrial de Navacchio veio a Manaus para conhecer a estrutura das instituições e das incubadoras. “Tiveram várias fases nesse processo, um deles foi a participação dos gestores das incubadoras no curso de capacitação, com visitas técnicas, no pólo industrial de Navacchio, na Itália. Uma turma foi em 2010 e outra turma em dezembro de 2012”, explanou Bentes.

O Projeto, iniciado em 2010, entre Suframa e Sebrae, foi desenvolvido para fortalecer e desenvolver o setor econômico e produtivo dessas empresas de Manaus, em particular das que tem forte componente tecnológico e de inovação.

Segundo Bentes, o Inpa busca alcançar a mesma qualidade de trabalho produzida pelos grupos que trabalham desde 2010, mas com o foco no que é trabalhado pelo Instituto. “Nós, que fomos agora em dezembro, estamos nos esforçando ao máximo para alcançar o ritmo do pessoal que foi em 2010, se levarmos em conta o foco das nossas incubadoras que é diferente das demais, que é em biotecnologia, empresas com o foco no meio ambiente, estamos muito bem”, completou.

Programação

Durante a tarde desta quinta-feira (21), representantes do Inpa e da comitiva se reunião para debater os pontos principais do projeto. Confira a programação completa, a partir das 15h: Breve reunião com objetivo de receber a comitiva do pólo e os coordenadores do projeto (Suframa e Sebrae) com a direção do Inpa, visando apresentar todos e o projeto em andamento; Visitação a futuras instalações no novo prédio da CETI, onde fica a incubadora (Inpa Campus I); Reunião no prédio da diretoria com o especialista de Mercado do Pólo Tecnológico, Paulo Alderigi, com cada empresário que estão incubados no Inpa; e reunião na sala da CETI para conhecer o processo de incubação, plano de comunicação e monitoramento, para encerrar o encontro.

* Com informações da assessoria de comunicação