Publicidade
Amazônia
Cotidiano, SBPC, Inpa, Água, tecnologia

Tecnologia de "lavagem de água", desenvolvida pelo Inpa, atrai curiosos na SBPC

Sistema solar de desinfecção de água foi desenvolvido pelo pesquisador Roland Vetter, e é capaz de tornar águas sujas de rios e lagos em água potável livre de germes 26/07/2012 às 16:16
Show 1
Tecnologia é capaz de eliminar os germes sem precisar utilizar substâncias químicas
acritica.com Manaus

O anúncio “Nós lavamos água”, na 20ª EXPOT&C, atividade paralela da 64ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), que acontece na Universidade Federal do Maranhão (UFMA), em São Luís (MA), atrai os olhares do público. Trata-se de uma tecnologia de desinfecção solar de água, apresentada no estande do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCTI).

De acordo com o Coordenador de Extensão do Inpa, Carlos Roberto Bueno, responsável pela exposição do órgão na SBPC, a inovação é capaz de eliminar os germes sem precisar utilizar substâncias químicas.

“O que se descobriu foi que uma luz que emite raios ultravioletas é capaz de eliminar germes, ou seja, pode purificar a água somente com uma questão física, sem outras modificações químicas, porém para que isso aconteça a água precisa estar o mais translúcida possível”, explicou.

Gabriel Ferreira, 12, é estudante do 7º ano do ensino fundamental da Unidade de Educação Básica Primavera, localizada no bairro Primavera, em São Luís, e resolveu conhecer a tecnologia, pois acredita que ela poderia resolver a questão de água contaminada nas proximidades do local onde mora.

“A água que podemos beber, que vem pelos canos, às vezes também é poluída. Já teve casos na rua onde moro que uma pessoa bebeu água da torneira e ficou doente, foi pro hospital e teve que fazer lavagem. Então, eu acho importante conhecer, saber como é feito e qual é o custo”, contou.

Recentemente, noticiários brasileiros divulgaram os diversos casos de poluição de águas ocorrentes atualmente no Estado do Maranhão. Dividido em 127 municípios, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), o Maranhão totaliza 6.574.789 habitantes, sendo considerado o quarto Estado mais populoso do nordeste.

Tecnologia
O sistema solar de desinfecção de água foi desenvolvido pelo pesquisador do Inpa, Roland Vetter. Trata-se de um sistema solar capaz de tornar águas sujas de rios e lagos em água potável livre de germes, que já foi testado com sucesso em aldeias remotas na região Amazônica.

A inovação pode ser considerada como um método para proteção contra bactérias e outros micro-organismos perigosos, em alguns casos podem produzir efeitos negativos não somente para o ser humano, mas também para o meio ambiente. A pesquisa dedicou a estudar um método que desde milhões de anos tem sido demonstrado pela própria natureza, ou seja, a desinfecção por meio de radiação ultravioleta tipo C.

O equipamento é compacto e agrupa tudo em uma única caixa movida por energia solar, purifica 400 litros de água por horas, pesando apenas 13 quilos e permitindo 10 mil horas/vida da lâmpada. O investimento do aparelho pode variar entre R$ 1,5 a 10 mil, dependo das condições onde o aparelho será instalado. Além disso, a inovação é portátil, podendo ser transportado facilmente para comunidades.