Publicidade
Manaus Hoje
LATROCÍNIO

Preso homem que matou vendedor de cachorro-quente para roubar R$ 1,6 mil

Ele e um adolescente monitoraram a vítima e a seguiram no momento em que ela chegava em casa. Depois entraram no local, fizeram a família de refém e mataram a vítima 14/05/2018 às 12:04
Show 6b290ac5 809c 46d6 9394 f70aa3327568
Foto: Divulgação
Larissa Golvin Manaus (AM)

Suspeito de matar um vendedor de cachorro-quente durante um latrocínio no dia 1º de abril deste ano,em Manaus, Rafael Sampaio da Silva França, 21, foi preso na última sexta (11) em Manicoré, município do interior do Amazonas, e foi apresentado hoje à imprensa. Um adolescente que participou do crime também foi apreendido. A vítima do crime, Diogo Gonzaga da Silva, 34, que foi assassinado dentro da casa dele.

Segundo a Polícia Civil, Rafael e o adolescente monitoravam o movimento de vendas na banca de cachorro-quente da vítima. No dia do crime, conforme o delegado Adriano Félix, titular da Delegacia Especializada em Roubos Furtos e Defraudações (Derfd), os dois abordaram a vítima no momento em que ela chegava em casa, por volta de 1h10, conseguindo entrar na residência em posse de um revólver calibre 38.

Dentro da residência, o vendedor e a família dele foram feitas de reféns. A vítima reagiu ao assalto e foi alvejada. Os suspeitos fugiram do local levando a quantia de R$ 1,6 mil, mas deixaram a arma cair. Após o crime, Rafael empreendeu fuga para o município de Manicoré, onde acabou preso durante investigações da Polícia Civil.

Agora, o adolescente apreendido responderá por ato infracional ao crime de latrocínio. Rafael, que já tem passagem pela polícia pelo crime de roubo, foi indiciado por latrocínio e corrupção de menores. Ele será conduzido para o Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM). O adolescente permanece na Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (Deaai).

Publicidade
Publicidade