Publicidade
Manaus Hoje
LATROCÍNIO

Trio é preso e adolescente apreendida suspeitos de matar técnico de enfermagem

Os suspeitos acabaram atirando contra a vítima durante assalto a uma parada de ônibus en Manaus. Os criminosos teriam se assustado quando o técnico levantou a camisa para tirar o fone 12/12/2017 às 09:38 - Atualizado em 12/12/2017 às 10:05
Show presos 3333
O trio foi apresentado no 10º DIP, enquanto a adolescente encaminhada para a DEAAI (Foto: Divulgação/PM)
Dani Brito Manaus (AM)

Três pessoas suspeitas de envolvimento no latrocínio que vitimou o técnico de enfermagem Alessandro Pinho da Silva, 27, foram presos e uma adolescente de 15 anos apreendida na manhã desta terça-feira (12), por policiais militares da Força Tática. O homem foi morto na noite dessa segunda-feira (11), em uma parada de ônibus, localizada na Avenida Loris Cordovil, no bairro Alvorada, na Zona Centro-Oeste de Manaus.

Os infratores confessaram o crime e foram identificados como Radson Marques Rodrigues, 23, Thaís da Cruz Peres, 18, Thomás Bezerra Dias, 25, e a adolescente. 

 De acordo com a polícia, o quarteto já havia roubado um carro modelo Celta, de cor prata, de placas NOT - 2230, no último sábado (9).

Com o veículo roubados eles iniciaram uma série de roubos até a noite de ontem (11), quando acabaram atirando contra Alessandro em uma parada de ônibus.

                                Alessandro foi morto durante assalto (Foto: Arquivo Pessoal)

Segundo testemunhas, a vítima teria tentado levantar a camisa para tirar o fone de ouvido que estava usando. Os infratores se assustaram e atiraram na direção do tórax do técnico, que morreu no local.

Após o crime o bando fugiu e na manhã de hoje (13) foram presos. Os primeiros a serem detidos foi Radson e Thaís, no bairro Lírio do Vale. Em seguida, os policiais foram até a rua Santa Maria, no bairro Alvorada, prenderam Thomás e apreenderam a adolescente.

Os adultos foram apresentados no 10º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e a adolescente, na Delegacia Especializada em Apuração de Atos Infracionais (DEAAI).

Saída da delegacia

Amigos e familiares do técnico de enfermagem aguardaram na manhã desta terça-feira (12) a transferência dos presos em frente ao 10º DIP. Ao sair da unidade policial, a adolescente suspeita de participação no crime deu Tchau e mandou "beijinho no ombro" para as pessoas presentes.