Publicidade
Manaus
INICIATIVA

Abandonada, Biblioteca Municipal vai ser ocupada para seminário e ações artísticas

A atividade está marcada para o dia 15 de dezembro na Biblioteca Pública Municipal João Bosco Pantoja Evangelista; evento busca apresentar soluções para os imóveis e terrenos sem uso social situados no Centro 11/12/2017 às 18:19 - Atualizado em 11/12/2017 às 18:57
Show foto 123
Foto: Euzivaldo Queiroz - 18/11/2017
acritica.com Manaus (AM)

O prédio abandonado da Biblioteca Pública Municipal João Bosco Pantoja Evangelista, localizada ao lado da Praça do Congresso, no Centro de Manaus, vai ser ocupado no dia 15 de dezembro, das 14h às 22h, por integrantes do Núcleo de Estudos e Práticas de Utilização de Espaços Urbanos Ociosos para a Manutenção Econômica e Cultural (Jirau).

A atividade apresentará os resultados do Jirau ao longo do ano, apresentações do Observatório da Região Metropolitana de Manaus e também da Amazônia pelo Transporte Ativo (APTA). Haverá ainda as rodas de conversa sobre Plano Diretor e Estatuto da Cidade, e os Índices de um Centro abandonado.

A programação conta também com oficina de Jardinagem Libertária e encerramento com “Sarau pela Cidade” repleto de intervenções artísticas de videomapping, música, DJs e declamação poética.


Integrantes do Jirau convidam a sociedade como todo a participar do evento. Foto: Divulgação/Coletivo Difusão 

Para a produtora cultural, videomaker e integrante do Jirau, Michelle Andrews, é essencial trabalhar em conjunto para fazer uma Manaus do jeito que a população almeja.

“É fundamental pensar uma cidade mais nossa, uma cidade que a gente quer. Por que é inadmissível ter espaços sem uso social. O Jirau convida a sociedade civil organizada, a população em geral, os governantes, principalmente a Prefeitura para gente dialogar, encontrar soluções e mudar esse quadro que é alarmante. O seminário reunirá pessoas que querem discutir a cidade. Vamos começar a partir dos prédios abandonados no centro histórico e olhar com mais carinho a cidade de Manaus”, disse Michelle.

“O uso é a melhor conservação. Prédios abandonados tendem a degradar naturalmente, assim como aqueles fechados e sem uso. A cidade precisa de espaços vivos, que vibrem e façam vibrar”, comenta Otoni Mesquita, artista e pesquisador que é um dos principais expoentes desse problema. Frequentemente, o autor do livro “Manaus - História e Arquitetura (1852 - 1910”), tem dado visibilidade aos prédios abandonados na cidade em suas redes sociais.

PROGRAMAÇÃO

14h - Resultados do Jirau

15:30h - Observatório da Região Metropolitana de Manaus

16:30h - Oficina Jardinagem Libertária

17:30h - Apresentação do Amazônia pelo Transporte Ativo - APTA.

18:30h - Roda de conversa Plano Diretor e Estatuto da Cidade.

19:30h - Roda de conversa Índices de um Centro abandonado

20:30h - Intervenções artísticas ‘SARAU PELA CIDADE”- videomapping, música, DJ’s e declamação poética.

SERVIÇO

O que é? Seminário de Requalificação do Centro Histórico de Manaus

Quando? 15 de dezembro de 2017 - das 14h às 22h

Onde? Biblioteca Pública Municipal João Bosco Pantoja Evangelista - Praça do Congresso

Quanto? Gratuito