Publicidade
Manaus
Manaus

Acusados de mais de 40 estupros fogem juntos de penitenciária do Amazonas

Um dos acusados, Martlange Batalha da Costa, aparece em fotos nu, com 'cordão de ouro' amarrado ao pênis. De acordo com a Secretaria de Justiça, um agente de disciplina teria facilitado a fuga 25/12/2012 às 21:14
Show 1
Martlange Batalha da Costa invadia a casa das vítimas e as estuprava
acritica.com Manaus (AM)

Martlange Batalha da Costa e Herley Nascimento Santos, ambos de 32 anos, fugiram na manhã desta terça-feira (25), feriado de Natal, da Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), em Manaus, após terem amarrado vários lençóis e peças de roupa (modelo de corda popularmente conhecido como "tereza") e pulado o muro da penitenciária.

De acordo com o secretário adjunto da Secretaria de Estado de Justiça e Direitos Humanos do Amazonas (Sejus), coronel PM Bernardo Encarnação, um agente de disciplina teria facilitado a fuga.

Martlange foi preso no último dia 21 de dezembro. Ele é acusado de violentar pelo menos 20 vítimas ao invadir casas na periferia de Manaus e, em muitos casos, violentar mulheres e adolescentes. Entre as vítimas de estupro está uma adolescente de 11 anos.

Entre as acusações contra Herley Nascimento Santos está a participação em pelo menos 22 casos de estupros em Manaus, quase a metade contra menores. A frieza do acusado era uma de suas principais características. Ele foi encaminhado a UPP no dia 14 de setembro.


De acordo com o coronel Bernardo Encarnação as primeiras medidas já foram tomadas. "O agente de disciplina foi encaminhado ao 14º DIP (Distrito Integrado de Polícia). Foi comunicado a fuga a Polícia Militar e Civil", declarou ele, completando que os horários de visita e de banho de sol na unidade serão "mais restritos".

O coronel também pediu à população que ajude na recaptura se tiver informações sobre os fugitivos. Um dos acusados, Martlange Batalha da Costa, aparece em fotos nu, com 'cordão de ouro' amarrado ao pênis. As fotos foram apreendidas no ato de sua prisão, em 21 de dezembro.