Publicidade
Manaus
Manaus

Adolescente é morto por dupla, que fugiu em motocicleta na Zona Norte de Manaus

Um menor de 16 anos foi assassinado com três tiros enquanto lanchava perto de casa. Até o fechamento desta matéria, a polícia não tinha nenhum suspeito.  19/08/2014 às 12:42
Show 1
Jovem é morto quando estava indo fazer um lanche, por dupla em motocicleta, no bairro Terra Nova, em Manaus.
Antonio Barros Jr e Denir Simplício* Manaus (AM)

Jean Carlos de Jesus Souza, de 16 anos, foi morto na noite desta segunda-feira (18) na rua Monte Feliz da colônia Terra Nova, na Zona Norte de Manaus. De acordo com a mãe da vítima, o rapaz havia saído para comprar um lanche, que fica próximo a sua casa dele, quando foi executado por um homem em uma motocicleta. Parentes negam, mas a polícia suspeita que o crime seja um acerto de contas.

A vítima foi surpreendida quando chegava a uma lanchonete em que iria fazer a refeição. Segundo testemunhas, que não quiseram se identificar, os suspeitos do crime já estavam no local esperando por Jean Carlos. Assim que o jovem se aproximou, um dos homens sacou uma arma e disparou duas vezes contra o rapaz. Em seguida, os assassinos fugiram em uma motocicleta vermelha, de placa não identificada.

Segundo a mãe da vítima, que estava muito abalada no local e não quis revelar seu nome, o filho era estudante e tinha saído de casa apenas para "merendar". Aos prantos, ela chegou a se jogar em cima do corpo do filho impedindo o início do trabalho dos peritos do Intituto Médico Legal (IML) que foram recolher o cadáver. Porém, momentos depois, ela foi contida.

De acordo com policiais militares da 18ª Companhia Interativa Comuntiária (Cicom), a vítima morreu com dois tiros, sendo um no tórax e o segundo no pescoço de Jean Carlos. Os policiais suspeitam, ainda, que os disparos tenham sido efetuados por um revolver calibre 38.

Motivação

Policiais trabalham com a hipótese de o crime ter sido cometido por causa de um acerto de contas. Desconfiando que o jovem teria envolvimento da vítima com o tráfico de drogas da região. No entanto, moradores que conheciam a vítima foram unânimes em afirmar que Jean Carlos era um rapaz pacato e que jamais se meteu em confusão alguma.

Momentos antes do crime, o jovem estava na casa de uma vizinha brincando com os filhos menores da moradora, que se mostrou perplexa com a morte do rapaz. Familiares não quiseram dar maiores informações sobre o local do velório da vítima, que está ocorrendo em um local distante de onde ele morava.

O caso será investigado por agentes da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).

*com informações da repórter Girlene Medeiros