Publicidade
Manaus
Manaus

Agressão física contra mulher lidera o ranking

Dentre as demais violências coibidas pela lei, os atendimentos apontam: violência psicológica em 12.941 (27,21%) dos registros informados; violência moral em 5.797 (12,19%); violência sexual em 915 (1,92%); e violência patrimonial em 750 (1,58%) 17/08/2012 às 07:46
Show 1
O serviço Ligue 180 registrou 388 mil atendimentos no primeiro semestre
LÚCIO PINHEIRO Manaus

De 1º de janeiro a 30 de junho deste ano, a Central de Atendimento à Mulher, o Ligue 180, realizou 388.953 atendimentos. Criado em 2005 pela Secretaria de Políticas para as Mulheres, o serviço oferece orientação  em situação de violência.

Em comparação com os seis primeiros meses de 2011, verifica-se no balanço semestral de 2012 um aumento de mais de 13% no total de atendimentos feitos pelo Ligue 180.

Os 388.953 atendimentos representam uma média de 2.150 registros por dia. A média mensal foi de aproximadamente 65 mil atendimentos, com destaque para o mês de março, com 75.776 ligações.

Agressão

Do total das ligações, 47.555 registros são  relatos de violência. A agressão física continua sendo o tipo de violência mais relatado, totalizando 26.939 registros, contemplando 56,65% das formas de violência de que trata a Lei Maria da Penha.

Dentre as demais violências coibidas pela lei, os atendimentos apontam: violência psicológica em 12.941 (27,21%) dos registros informados; violência moral em 5.797 (12,19%); violência sexual em 915 (1,92%); e violência patrimonial em 750 (1,58%). A central também atendeu, no primeiro semestre deste ano, 211 casos em que a  demandante relatou situação de cárcere privado, o que representa um caso por dia.

Entre os relatos dos primeiros meses de 2012, em 70,19% dos casos da violência doméstica contra a mulher, o agressor é o companheiro ou cônjuge da vítima. Acrescentando os demais vínculos afetivos (ex-marido, namorado e ex-namorado), esse dado sobe para 89,17% dos casos de violência contra a mulher. Os demais 10,83% dos registros revelam que as agressões são cometidas por familiares, parentes, vizinhos, amigos e desconhecidos.

O disque denúncia atende a chamadas de todo o Brasil.