Publicidade
Manaus
Manaus

Alfredo Nascimento volta a cobrar conclusão da BR-319 à presidente Dilma

A conclusão da BR-319 foi uma promessa de campanha de Alfredo Nascimento, quando candidato a governador do Amazonas 11/06/2012 às 17:38
Show 1
Reforma total da 319 foi anunciada em 2007, mas foi embargada pelo Ibama
acritic.com Manaus

O senador Alfredo Nascimento (PR) cobrou, nesta segunda-feira (11/06), mais comprometimento da presidente Dilma Rousseff (PT) quanto à BR-319, que liga o Amazonas a Rondônia e que, há seis anos, tem o licenciamento do trecho central tramitando no Ministério do Meio Ambiente sem qualquer posição definida. O imbróglio gerou, recentemente, o cancelamento do repasse de R$ 90 milhões para a obra.

A conclusão da BR-319 foi uma promessa de campanha de Alfredo Nascimento, quando candidato a governador do Amazonas. Ele, que esteve à frente do Ministério dos Transportes durante a gestão do presidente Luiz Inácio Lula da Silva e parte do primeiro ano de mandato da presidente Dilma, assegura conhecer o projeto de restauração da rodovia, construída por militares na década de 1970.

A BR-319, se chegar a ser concluída, dará fim aos gargalos históricos que impõem entraves ao setor produtivo do Estado, além de beneficiar a população que mora às suas margens, e que é obrigada a enfrentar horas de deslocamento – no caso cãs comunidades situadas na parte central da estrada – em área sem asfaltamento.

“Fomos surpreendidos dias atrás pela decisão do governo federal de suspender a alocação de recursos para a conclusão da reconstrução da BR-319. Eu pergunto ao governo: por que? Por que, passados quase 10 anos de gestão, a 319 não sai do papel? Para que vossas excelências tenham uma ideia, as extremidades já foram restauradas e falta apenas o trecho do meio. São 400 quilômetros”, explicou o senador no plenário, hoje.

Para ele, falta coragem para a liberação do licenciamento que acabará com os transtornos que afetam há anos os moradores do Estado. “Ninguém tem coragem nem de autorizar nem de recusar o licenciamento. Então, empurram com a barriga, repetindo exigências e exigindo novos estudos. É uma vergonha”, frisou.

Ele destacou em seu pronunciamento, ainda, que a conclusão da rodovia é um compromisso da presidente Dilma. “Eu conheço a determinação da presidente Dilma, sua capacidade de enfrentar desafios. Por isso, peço à ela que assuma o comando desse projeto, que libere o licenciamento ambiental [...]. Ela tem uma dívida com nosso estado. Ela comprometeu-se a acompanhar pessoalmente a reconstrução da 319, remover os obstáculos e concluir a obra. É isso o que o povo do amazonas espera dela”, concluiu.