Publicidade
Manaus
Cotidiano, Eleições 2012, Limpeza Pública, SEMULSP

Após as eleições lixo eleitoral começa a ser retirado das ruas de Manaus

Zona Sul, Centro Oeste, Oeste e Centro de Manaus serão as primeiras a serem limpas devido o grande fluxo de pessoas circulando durante o dia  08/10/2012 às 14:50
Show 1
Santinhos espalhados em frente a uma escola na Zona Norte de Manaus
Síntia Maciel Manaus

Um grupo de aproximadamente 200 garis devem entrar em ação a partir das 18h deste domingo (7), para limpar trechos das Zonas Sul, Oeste, Centro Oeste e Centro de Manaus, afetados pelos santinhos de candidatos a prefeito e vereadores espalhados ao longo do dia da eleição.

De acordo com o sub-secretário da Secretaria Municipal de Limpeza Pública (Semulsp), Túlio Kniphoff, um total de 120 garis, distribuídos em 10 equipes farão o trabalho de varrição e ensacamento de lixo nas referidas áreas, principalmente nos entornos de escolas e paradas de ônibus. 

As áreas a serem limpas inicialmente, foram escolhidas, conforme Túlio, em virtude da grande circulação de pessoas durante o dia, o que compromete o trabalho de limpeza.

Nesta segunda-feira (8), um efetivo de 800 garis, distribuídos em 400 pela manhã e outros 400 à noite darão continuidade ao trabalho.

“A nossa expectativa é a de que até esta segunda-feira (8), os trabalhos sejam concluídos”, salienta Kniphoff.

A pedido do presidente do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-AM), desembargador Flávio Pascarelli, a varrição antes e depois das eleições foi solicitada à Semulsp.  

Por volta das 5h deste domingo, quando o efetivo de 120 garis divididos em 10 equipes foi para as ruas, já havia santinhos espalhados pela cidade.

Flagra
Em entrevista coletiva na sede do TRE-AM, o desembargador Flávio Pascarelli informou que algumas pessoas foram flagradas pelas câmeras do Centro Integrado de Operações de Segurança (CIOPS), distribuindo o material, detidas e encaminhadas para a sede da Polícia Fderal, no bairro Dom Pedro, Zona Oeste, onde foi feito um Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO).

A maioria dos santinhos eram de candidatos a vereador.