Publicidade
Manaus
Manaus

Após denuncias contra SMTU, vereador pede proteção policial em Manaus

Ademar Bandeira (PT), afirma estar inseguro quanto a sua vida e a vida de seus familiares. “Estou recorrendo porque já existem cooperados recebendo ameaças de morte 15/03/2012 às 14:12
Show 1
Em coletiva de imprensa na manhã desta quinta-feira (15), o petista reiterou as acusações que adiantou ao Portal acrítica.com, na tarde dessa quarta-feira (14), contra o superintendente municipal de Transportes Urbanos, Marcos Cavalcante
JOELMA MUNIZ Manaus

O vereador Ademar Bandeira (PT), responsável pela disseminação de DVD’s que mostram funcionários da Superintendência Municipal de Transportes Urbanos (SMTU), negociando valores para a manutenção de permissionários do Transporte Executivo nas ruas de Manaus, recorreu nesta quinta-feira (15), ao Ministério Público Estadual (MPE-AM) para solicitar proteção policial.

O parlamentar afirma estar inseguro quanto a sua vida e a vida de seus familiares. “Estou recorrendo porque já existem cooperados recebendo ameaças de morte. Sabemos como eles costumam resolver seus problemas, espero ter o apoio do MPE”, disse, destacando que mora “na periferia”.

“Moro em um bairro humilde da cidade, então antes que aconteça algo comigo, ou com alguém da minha família resolvi agir”, falou.

Coletiva

Em coletiva de imprensa na manhã desta quinta-feira (15), o petista reiterou as acusações que adiantou ao Portal acrítica.com, na tarde dessa quarta-feira (14), contra o superintendente municipal de Transportes Urbanos, Marcos Cavalcante.

Bandeira voltou a sustentar que pretende usar as imagens para pedir a instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), para investigar as atividades de Cavalcante frente à superintendência.

A reportagem tentou por várias vezes contato com o superintendente do SMTU, mas até a finalização dessa matéria não obteve resposta.