Publicidade
Manaus
Manaus

Aposentada é presa acusada de tentar fraudar sistema bancário

Segundo informações da assessoria da Polícia Civil, Célia esteve durante a manhã na Caixa Econômica Federal (CEF) e, em seguida, o gerente da agência a denunciou pelo 190 por suspeita de fraude 07/01/2013 às 21:16
Show 1
Célia Maria Maia, 56, foi presa em flagrante pela polícia
acritica.com Manaus

A aposentada Célia Maria Maia, 56, foi presa, na tarde desta segunda-feira, acusada de uso de documento falso, tentativa de furto qualificado e falsificação de documento público, após um gerente da agência da Caixa Econômica Federal (CEF), localizada no bairro Colônia Santo Antônio, Zona Oeste de Manaus, suspeitar que ela tentava fraudar o sistema bancário a partir de saques ilegais de benefícios de terceiros. Ela foi encaminhada ao 18º Distrito Integrado de Polícia (DIP) e autuada em flagrante.

Segundo informações da assessoria da Polícia Civil, Célia esteve durante a manhã na Caixa Econômica Federal (CEF) e, em seguida, o gerente da agência a denunciou pelo 190 por suspeita de fraude. Ela foi detida por policiais militares da 18ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom) conseguiram fazer a abordagem na avenida Francisco Queiroz, no mesmo bairro.

Com ela foi apreendido um cartão de beneficio da Previdência Social e uma carteira de identidade em nome de Raimunda Cardoso de Castro, além de outros dois comprovantes de saques, em nome de Cássia da Silva Correa, no valor de R$1.246 mil e outro em nome de Elisa Lemos Fernandes, no valor de R$622.

De acordo com o gerente do banco, que não teve o nome revelado, a aposentada esteve outras vezes na agência tentando trocar a senha dos benefícios e tentando realizar os saques, fato que chamou a atenção dos funcionários.

Em depoimento, Célia confessou o crime e disse que foi contratada por um homem, com quem se comunicava pelo telefone e lhe entregava os novos documentos. Ela disse ainda que recebia o valor de R$50 por cada saque. A suspeita foi encaminhada para a cadeia pública Desembargador Raimundo Vidal Pessoa.