Publicidade
Manaus
Cotidiano, Presidiários, Sistema Prisional, Sistema Carcerário, Sejus, Compaj, CPD, Cadeia Pública Raimundo Vidal Pessoa

Aumento de prisões e falta de investimentos superlotam presídios do Amazonas

Dados da Secretaria de Estado de Justiça e Direito Humanos (Sejus) revelam que no Estado houve um aumento na população carcerária de 1.195 presos em 2012, totalizando 7.734 detentos atualmente no sistema carcerário 05/01/2013 às 16:30
Show 1
Um total de 7.734 presos estão abrigados nas 18 unidades prisionais do Amazonas
Náferson Cruz Manaus

Apesar do esgotamento do sistema carcerário brasileiro, em virtude de estabelecimentos superlotados, sujos, precários, inseguros e desumanos, conforme já apontou o Relatório do Mutirão Carcerário 2010/2011 realizado pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), o número de presos no País cresce de forma vertiginosa.

No Amazonas, o sistema prisional registrou um aumento na população carcerária de 1.195 presos em 2012, totalizando 7.734 detentos atualmente no sistema, conforme dados da Secretaria de Estado de Justiça e Direito Humanos (Sejus).

Já em Manaus, houve um aumento de 1.049 detentos no sistema prisional, alcançando um total de 5.375 detentos divididos nos cinco presídios da capital.

Reforço
O aumento da população carcerária, de acordo com o secretário-executivo adjunto da Sejus, coronel Bernardo Encarnação, reflete no número de prisões realizadas pelas polícias Civil e Militar. O secretário ressaltou que o reforço no policiamento e o consequente aumento no número de prisões é uma forma eficaz de combater a criminalidade nas ruas, mas que leva consequências ao sistema prisional do Estado.

Um exemplo da situação pela qual passa o sistema carcerário ocorreu em março de 2011, quando à cadeia pública Raimundo Vidal Pessoa, no Centro de Manaus, chegou a abrigar 1.034 presos, número recorde segundo a Sejus.

A situação só foi minimizada com a inauguração do Centro de Detenção Provisória (CPD), em abril do mesmo ano. A Vidal Pessoa, conforme a secretaria, corresponde à porta de entrada dos presos no sistema prisional do Estado.

A íntegra deste conteúdo está disponível para assinantes digitais ou na versão impressa