Publicidade
Manaus
Manaus

Batalhão Ambiental do AM apreende quase meia tonelada de pescado ilegal nesta terça

O período do defeso nos rios amazônicos leva a polícia a intensificar a fiscalização. Só na madrugada e manhã desta terça-feira (14) já foram realizadas duas grandes apreensões e quatro pessoas foram presas em Manaus 14/08/2012 às 12:13
Show 1
O Batalhão Ambiental está intensificando as fiscalizações em feiras da cidade para coibir a venda de pescado e carnes de caça sem procedência
Evelyn Souza Manaus

Aproximadamente 230 quilos de pirarucu foram apreendidos na feira do bairro Dom Pedro, Zona Centro-Oeste de Manaus, na manhã desta terça-feira (14). Esta é a segunda grande apreensão que aconteceu no mesmo dia. Na ocasião, quatro feirantes foram presos. No total aproximadamente 500 quilos de pescado foram apreendidos.

De acordo com soldado Douglas, a fiscalização que aconteceu na manhã desta terça é uma continuação da operação Boina Verde.

“Com o período do defeso e com as crescentes denúncias feitas com relação à venda de pirarucu, as fiscalizações do batalhão ambiental tem sido intensificadas nas feiras da cidade”, destacou o soldado.

Na ocasião Leunaldo Nogueira lobato, Marcio Machado Farias, Irlanda Freitas e Jarlisson Dantas Silva, foram presos e encaminhados para a Delegacia Especializada em Meio Ambiente (DEMA).

Um Termo Circunstancial de Ocorrência (TCO) foi aberto e os feirantes podem responder ao processo em liberdade, caso paguem o equivalente a um salário mínimo (R$ 622,00), segundo informou o soldado.

“Eles podem responder em liberdade, pois esse é um tipo de crime ambiental de pouco impacto na sociedade”, pontuou o soldado.

Os quase 500 quilos de pirarucu serão doados para instituições de caridade de Manaus.