Publicidade
Manaus
Proteção dos animais

Campanha quer alertar população para combater maus-tratos contra animais

Iniciativa da Câmara Municipal de Manaus busca conscientizar sobre o aumento dos crimes praticados contra a fauna, principalmente os animais domésticos e de rua 25/04/2016 às 19:12 - Atualizado em 25/04/2016 às 19:14
Show lucas amorelli
A campanha visa proteger tanto animais domiciliados vítimas de maus-tratos quanto animais de rua, cuja população é estimada em mais de 200 mil, em toda a capital (Foto: Lucas Amorelli/Arquivo A Crítica)
ACRITICA.COM

A Comissão de Meio Ambiente da Câmara Municipal de Manaus (CMM) lançou nesta semana a 2ª Edição da Campanha “Por amor aos Animais, Por amor à Vida”, que tem o objetivo de conscientizar a população para combater o aumento dos crimes praticados contra a fauna. A campanha visa proteger tanto animais domiciliados vítimas de maus-tratos quanto animais de rua, cuja população é estimada em mais de 200 mil, em toda a capital.

Segundo dados da Comissão de Meio Ambiente da CMM, em 2016, foi computada uma média de 12 crimes por semana praticados contra animais domésticos e silvestres na área urbana e rural da cidade, o dobro do informado em 2015, que era de seis no mesmo período. Entre os principais crimes estão a agressão física (50%), manter o animal em lugar inapropriado (30%), descuido com a saúde e alimentação  (15%) e outros motivos (5%).

Nesta semana, defensores da causa foram às ruas de Manaus levar conscientização sobre esses abusos. A campanha em defesa dos animais na CMM ocorre pela segunda vez, sendo que a primeira foi realizada em 2014. Na época, ela teve o objetivo de discutir políticas públicas do voltadas ao bem-estar animal em Manaus.

“De 2014 para 2016, avançamos muito nos serviços prestados a esses seres, como a chipagem obrigatória de cães e gatos para reduzir o índice de abandono e também ocorreu a criação das Carretas dos Animais que leva atendimento veterinário a diversos bairros de Manaus, mas infelizmente ainda existem pessoas que tratam os animais como objetos de decoração. Queremos mostrar para essas pessoas que se você se responsabiliza em cuidar de um animal, precisa respeitá-lo”, disse o presidente da Comissão de Meio Ambiente da CMM, vereador Everaldo Farias.