Publicidade
Manaus
Manaus

Celebração de Pentecostes espera 80 mil pessoas em Manaus

Celebração, uma das mais importantes para os fiéis católicos, acontece no próximo domingo, no Centro de Convenções 25/05/2012 às 07:48
Show 1
Dom Luiz Soares Vieira diz que Pentecostes é a “celebração da missão da igreja”
Milton de Oliveira Manaus

A arquidiocese de Manaus espera reunir  80 mil fieis,  domingo (27), no Centro de Convenções de Manaus, o ‘Sambódromo’,  Zona Oeste, para a celebração  de Pentecostes. A festa  lembrará o tema da Campanha da Fraternidade - Fraternidade e Saúde Pública - e chamará os jovens amazonenses da Jornada Mundial da Juventude (JMJ), que acontece no próximo ano, no Rio de Janeiro. A entrada é franca.

De acordo com arcebispo de Manaus Dom Luiz Soares Vieira, a festa é mais do que um evento, “é a celebração da missão da Igreja no mundo”.

“Essa comemoração atualiza o caminho percorrido pela Igreja, renovando nosso entusiasmo e coragem para dar testemunho da fé em Jesus Cristo. Enfim, é a vinda do Espírito Santo sobre à Igreja para cumprir a nossa missão no mundo”, enfatizou.

A celebração de Pentecostes será a última do arcebispo como pastor da Igreja Católica de Manaus, pois ao completar 75 anos ele apresentou a carta de renúncia dele ao papa Bento XVI.

“Na celebração procuraremos destacar também, a reflexão que deve fazer a sociedade e o poder público sobre os cuidados com a saúde, um dos grandes desafios que deve enfrentar o mundo”, concluiu Dom Luis, um dos arcebispos que mais tempo passou administrando a diocese de Manaus.

Conforme a Arquidiocese de Manaus, mais de 90 comunidades católicas da cidade e da zona rural estão fazendo mobilizações para levar o maior número de fieis ao sambódromo.

“Antes de 1993 essa festa era celebrada apenas nas paróquias e comunidades, de forma separada. A partir dessa data, começamos a nos reunir em um único local para celebrarmos todos juntos”, explicou o coordenador de pastoral da arquidiocese padre Alcimar Araújo.

A Festa de Pentecostes começará a partir das 16h, com um show de preparação, o “esquenta”, continuará com a celebração da missa e concluirá com o show do religioso e cantor padre Zezinho, um dos cantores católicos mais famosos e antigos do Brasil.