Publicidade
Manaus
Manaus

Cheia dos rios no AM é usada como palanque eleitoral

Sofrimento de moradores de bairros como Raiz e Glória - atingidos pela cheia em Manaus - é prato cheio para políticos 07/05/2012 às 09:06
Show 1
A chuva não afasta parlamentares de seus eleitores. Na foto, deputados federais Carlos Souza e Silas Câmara, e os estaduais: Ricardo Nicolau e Belarmino Lins
Lúcio Pinheiro Manaus (AM)

O governador Omar Aziz (PSD), durante visita às áreas alagadas em Manaus, adiantou-se em defender que a ação não deveria ser vista como eleitoreira. Mas o que se viu durante e depois do “ato de solidariedade” foi um show de exploração da desgraça alheia por parte dos políticos que integravam a comitiva.

Na manhã seguinte à visita do último dia 3, pipocavam nos sites pessoais dos políticos e nos dos poderes Executivo e Legislativo, do Estado e do Município de Manaus, fotos e textos publicitários explorando, prioritariamente, a presença dos integrantes da comitiva nas áreas alagadas. E com a versão da desgraça que mais lhes promovia.

A visita aos alagados de Manaus foi organizada pelo governador Omar Aziz (PSD). Mas quem acessou no dia 4 o site da Câmara Municipal de Manaus (CMM) - www.cmm.am.gov.br - teve a impressão que foi o presidente da Casa, vereador Isaac Tayah (PSD), que levou o governador para as áreas alagadas.


Governador Omar Aziz conversa com populares (Foto: Ney Mendes)

A principal notícia do endereço garantia: “Tayah comanda campanha para ajudar vítimas da enchente”. As fotos mostravam Omar Aziz em segundo plano. Em uma das cinco imagens que ilustravam a matéria, o governador caminha de cabeça baixa, como se ouvisse orientações do presidente da Câmara Municipal de Manaus.

O presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (ALE-AM), Ricardo Nicolau (PSD), também “tirou uma casquinha” da visita. No dia 3, a matéria de destaque no site da Casa (www.aleam.gov.br) era: “Legislativo garante apoio a medidas do Estado a vítimas da cheia em Manaus”. No dia seguinte: “Parlamentares retomam visitas a áreas alagadas de Manaus e reafirmam apoio”.

Mas, ao contrário do presidente da CMM, Ricardo Nicolau até aceitou aparecer nas fotos em segundo plano. Porém, na imagem que ilustrava o site da ALE-AM, o parlamentar se esforça, no mínimo, para ser flagrado fazendo os mesmos gestos do governador.

 O líder da maioria do governo na ALE-AM, deputado Chico Preto (PSD), também aproveitou sua aparição na visita às vítimas da cheia em Manaus para turbinar seu site pessoal. No dia 2, a página destacava: “Chico Preto visita áreas afetadas pela cheia em Manaus”. E no dia 3: “Chico Preto acompanha governador durante visita a áreas atingidas pela cheia em Manaus”.

Sabino Castelo Branco também comandou as visitas (Foto: Ney Mendes)


Com o mandato cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), Sabino Castelo Branco (PTB) foi o integrante da comitiva que mais chamou atenção. Enquanto todos os políticos acompanhavam o governador pelas pontes, o deputado cassado levantou a calça até o joelho, desgrudou-se de Omar e se exibiu caminhando na água.

Após visita, só o nível das águas mudou

Na manhã do último sábado, a única coisa que tinha mudado nas áreas alagadas, após a visita dos políticos, foi o nível do rio Negro, que continua subindo.  Nos bairros Raiz (zona Centro-Sul) e Glória (zona Oeste), parte dos moradores aguardava os kits de madeira prometidos pelo governador Omar Aziz (PSD).

Na Raiz, enquanto os moradores esperavam com uma pulga atrás da orelha o cumprimento das promessas dos dias anteriores (ver ‘Voz das ruas’), equipes da Prefeitura de Manaus e do Governo do Estado esbarravam umas nas outras atualizando e fazendo novos cadastros sociais.

Durante as visitas, o discurso dos políticos era de que estavam diante de uma tragédia impossível de prever. O argumento irrita quem mora há décadas em áreas atingidas pela cheia anualmente. “Não é a primeira e nem vai ser a última enchente. Para isso eles têm parâmetros e previsão do tempo. Por que deixam chegar a esse ponto?”, indaga Francinilson da Silva, 47, morador da Glória.