Publicidade
Manaus
Manaus

Comissão que vai investigar nomeações na Polícia Civil faz primeira reunião

A comissão formada por representantes da CGE, OAB, Casa Civil e PGE foi instaurada na última segunda-feira para investigar supostas fraudes 11/05/2012 às 19:44
Show 1
Chefe da Casa Civil, Raul Zaidan
acritica.com ---

Os órgãos envolvidos no concurso público da Polícia Civil, realizado em 2009, e no processo de nomeação do 'Quinteto Fantástico' terão até a próxima quarta-feira para apresentar todos os documentos relacionados aos cinco candidatos que conseguiram vaga de delegado sem ter nota suficiente para aprovação à comissão formada para apurar o caso.

A informação foi dada pelo chefe da Casa Civil do Estado, Raul Zaidan, após o término da primeira reunião da comissão, que é formada por representantes da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Controladoria Geral do Estado (CGE), Procuradoria Geral do Estado (PGE) e pela própria Casa Civil.

"Oficiamos todos os órgãos envolvidos no concurso a apresentar todos os documentos relacionados a essas nomeações dentro de um prazo de 48 horas, que começa a contar na segunda-feira", afirmou Zaidan.

Os cinco candidatos cujas nomeações estão sendo questionadas são Indra Celani Leal, Laura Câmara (prima do deputado federal Silas Câmara), Herbert Lopes (irmão do desembargador Flávio Pascarelli), Caio César Nunes (filho do delegado-geral Mário César Nunes) e Thomaz Vasconcelos, secretário executivo de Inteligëncia da Secretaria de Segurança Pública (SSP).