Publicidade
Manaus
Manaus

Confusão durante a compra de passe estudantil em Manaus

Uma mulher, ainda não identificada, teria comprado passes para aproximadamente 50 carteirinhas estudantis o que teria causado tumulto no Sinetram 07/03/2012 às 16:02
Show 1
Sede do Sinetram foi palco de confusão no fim da manhã desta quarta-feira (7)
Acritica.com Manaus

Um dia após uma universitária ser detida por quebrar umas das máquinas de atendimento do Sinetram, devido à demora e o péssimo atendimento aos estudantes durante a compra de passe estudantil, mais uma “confusão” foi formada no local no final da manhã desta quarta-feira (7).

De acordo com a universitária do curso de Serviço Social do Uninorte, Célia Maria, uma mulher de aproximadamente 40 anos e que estava acompanhada de um jovem estudante, estava na fila e ao chegar o guichê comprou créditos para aproximadamente 50 carteirinhas estudantis.

“Isso é uma falta de respeito com os outros estudantes que estão na fila aguardando decentemente para chegar à vez e comprar os créditos”, disse a universitária.

Célia informou ainda que ao procurar alguém responsável para reclamar sobre a situação, um homem (o qual ela não soube dizer o nome, pois segundo ela, ele virou o crachá para que ninguém pudesse ler o nome dele) disse não poder ajudar, alegando que não podia fazer nada com relação aquela situação.

“A mulher ainda estava rindo da nossa cara, todo mundo olhando pra ela e ela rindo. O homem que se disse coordenador deixou que o funcionário atendesse a mulher com aquele monte de carteirinha, e disse que não podia fazer nada. Isso é um absurdo e uma falta de respeito” finalizou.

A equipe de reportagem tentou falar com a assessoria de imprensa do Sinetram pelos números 9143-XXXX, mas não obteve sucesso.