Publicidade
Manaus
Manaus

Conheça os carros mais baratos do mercado

Em Manaus, o preço dos modelos populares mais em conta nas principais concessionárias varia de R$ 20,9 mil a R$ 30,4 mil 28/08/2012 às 07:25
Show 1
O Gol IV geração custa R$ 30,04 mil
LUANA GOMES Manaus

Imagine que você pretende adquirir um carro, mas não tem “cash” suficiente para adquirir aquele dos seus sonhos. Neste caso, a melhor alternativa é priorizar o menor preço e comprar um que caiba dentro do orçamento. Mas aí existe um impasse, nas concessionárias locais, qual o modelo mais em conta?

A reportagem de A CRÍTICA foi a campo nessa segunda-feira (26) e verificou, entre as concessionárias locais, que o preço mais barato dos modelos populares  varia de R$ 20,90 mil (como no caso do Uno Mille, na revendedora autorizada Via Marconi, da Fiat) a R$ 30,04 mil (Gol geração 4, vendido na Mavel, concessionária Volkswagen).

Nesse preço já está embutido o benefício da redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) incidente nos automóveis.

O benefício, que vigora até dia 31 deste mês, com possibilidade de vir a ser prorrogado por mais dois meses, permite ao consumidor descontos de até R$ 4 mil, como no caso do Celta 1.0, cujo preço caiu de R$ 31,98 mil para R$ 27,98 mil.

Mas se o cliente optar por comprá-lo a prazo, terá que dar 50% de entrada se quiser dispor da taxa mínima de juros de 0,99 para financiar o restante.

Na Montanna, revendedora autorizada Ford, a consultora de vendas Marriete Silva destacou que o financiamento sem entrada pode ser parcelado em 48 meses, mas com uma taxa de 1,90%. E isso, se cliente tiver “um crédito muito bom” para que as instituições financeiras aceitem a proposta. Na concessionária, o Ford KA é o mais em conta da linha, ao preço de R$ 25,50 mil.

No Porto Veículos, o modelo mais em conta é o Clio 1.0, que saía ontem por R$ 23,99 mil. Se a opção for por adquiri-lo em prestações, esse modelo pode ser pago em 36 meses, com taxa de juros de 1,15% ao mês, mediante uma entrada de pelo menos 20%.

Na Via Marconi, que vende os carros da marca Fiat, o preço mais barato é o do Fiat Mille, que sai a R$ 20,9 mil. Trata-se de um modelo “basicão”. Na campra parcelada desse modelo, a taxa de juros é de 0,99%, mas isso se o cliente der uma entrada de 50% e parcelar o restante em 12 meses.

IPI não foi suficiente para vender

Com os “poréns” na hora da compra, os consumidores amazonenses parecem não ter se deixado levar pelos atrativos do IPI reduzido. Sem distinguir o tipo de veículos, dados do Departamento Estadual de Trânsito do Amazonas (Detran-AM) mostram que houve recuo de 11,83% no número de emplacamentos feitos em julho (5.865), quando comparados a de igual mês de 2011 (6.652).

O ex-presidente do Conselho Regional de Economia do Amazonas (Corecon-AM), Erivaldo Lopes, disse que “não é porque uma loja X colocou na placa que está em promoção, que aquilo me favorece”. O economista destacou que é preciso fazer um planejamento financeiro para que o montante gasto não vire uma dívida a mais no orçamento da família. “O veículo é uma compra de valor alto”, considerou.

Para os consumidores dispostos a utilizar o benefício, o consultor ponderou que as concessionárias devem encontrar formas (talvez até ações promocionais) para evitar que a procura caia nos próximos meses, caso o IPI não seja prorrogado.