Publicidade
Manaus
Manaus

Criação de hospital veterinário é tema de audiência nesta segunda-feira em Manaus

Estarão presentes na Aleam representantes do Conselho de Medicina Veterinária do Amazonas, Centro de Zoonoses de Manaus, estudantes do curso de Veterinária e Ongs que combatem os maus tratos aos animas 24/03/2013 às 19:41
Show 1
Veterinários e a população divergem quanto a criação de hospitais públicos para animais
acritica.com manaus

Uma audiência pública, que será realizada nesta segunda-feira (25), às 10h, no auditório Belarmino Lins, da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), vai discutir o projeto de criação do Hospital Público Veterinário do Amazonas. A proposta de criação deste tipo de estabelecimento é do deputado estadual Tony Medeiros (PSL) e conta com o apoio dos autobatizados grupos de “cachoeiros e gateiros” do Amazonas.

Nesta audiência estarão presentes representantes do Conselho de Medicina Veterinária do Amazonas, Centro de Zoonoses de Manaus, estudantes do curso de Veterinária e Ongs que combatem os maus tratos aos animas, entre outros representantes e instituições.

O evento vai discutir a necessidade de criação do Hospital Público Veterinário e os riscos para os moradores das grandes cidades onde diariamente centenas de animais domésticos são abandonados, levando riscos de zoonoses à população.

O Censo realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) no ano 2000 mostrou que mais de 50% dos domicílios no País tinham algum tipo de animal doméstico. A estimativa é que esse número tenha aumentado na última década, inclusive em regiões metropolitanas como a de Manaus.

Na realização do Censo de 2012, o IBGE não pesquisou o número de animais domésticos existentes nos lares do País.

Cautela

O primeiro do país foi criado no bairro do Tatuapé, Zona Leste de São Paulo. Lá são oferecidos tratamentos variados para os bichos que necessitam de cuidados especiais. Mas, essa questão divide opiniões da população e de profissionais, que julgam a necessidade de haver cautela nessa discussão.