Publicidade
Manaus
RECAPTURADOS

Em novo balanço, SSP afirma que 67 presos foram recapturados; restam 117

Na quinta, Seap divulgou imagem dos 65 recapturados, no entanto, lista de foragidos não foi divulgada. Ontem, foragido que se passava por evangélico foi detido pela polícia 07/01/2017 às 16:20 - Atualizado em 07/01/2017 às 18:19
acrítica.com Manaus (AM)

Subiu para 67 o número de presos recapturados após fuga em massa no Instituto Penal Antônio Trindade (Ipat) e Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj), segundo a Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM). Restam 117 presos serem localizados.

Na última quinta-feira (5), a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) divulgou a lista de 65 que tinham sido recapturados. Até o momento, a lista de foragidos não foi divulgada pelo órgão.

Ontem, a Seap recapturou um foragido do Compaj que se passava por pastor evangélico. A polícia informou que ele se preparava para assaltar uma casa lotérica no bairro Alvorada, na Zona Centro-Oeste.

Até às 14h deste sábado, a SSP contabilizou 67 foragidos recapturados, segundo o Comitê de Gerenciamento de Crise.

O Compaj e o Ipat ficam localizados no Km 8 da BR-174, que liga Manaus com a cidade de Boa Vista.

Fugas

A fuga de 112 internos do Compaj ocorreu no dia 1° de janeiro, por meio de uma teresa (corda feita de lençóis), momentos antes de integrantes da facção criminosa Família do Norte (FDN) matar 56 presos supostamente ligados ao Primeiro Comando da Capital (PCC), uma facção com origem em São Paulo e com menor atuação no Estado do Amazonas.

No Ipat fugiram 72 internos, por meio de um túnel, mas não houve mortes. No dia 2 de janeiro, outros quatro presos foram executados na Unidade Prisional do Puraquequara (UPP), localizada na estrada do Puraquequara, bairro Puraquequara, na Zona Leste de Manaus.