Publicidade
Manaus
Manaus

Em um mês, Ronda no Bairro registra dois roubos e lesões corporais por dia, na Zona Centro-Sul de Manaus

A redução da criminalidade em geral, de acordo com dados da SSP, nessa região foi de 21%, na comparação com ao mesmo período de 2011, além de não ter ocorrido homicídio. 28/08/2012 às 19:36
Show 1
A zona Centro-Sul é coberta 672 policiais em 143 viaturas
acritica.com Manaus

O programa Ronda no Bairro da zona Centro-Sul em seu primeiro mês de operação, de 26 de julho a 26 de agosto, registrou dois roubos e lesões corporais por dia, totalizando 60 para cada crime.  Os dados foram divulgados pela Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP) nesta terça-feira (28).

Comparado ao mesmo período no mês anterior, o trabalho integrado das polícias Civil e Militar reduziu os casos de roubo em 33% e os de furto, em 24%. Durante os 30 dias, foram registrados 38 furtos.

A redução da criminalidade em geral nessa região foi de 21%, na comparação com ao mesmo período de 2011, além de não ter ocorrido homicídio. De acordo com o balanço estatístico da SSP, no mês antes da implantação do Ronda no Bairro foram registrados oito homicídios na zona Centro-Sul.


Para o secretário de Segurança Pública, coronel PM Paulo Roberto Vital, a redução da criminalidade acompanha a tendência já constatada pelo Ronda no Bairro em seis meses de atuação na zona Norte, a primeira a receber o programa em fevereiro deste ano. “Atribuo o sucesso do programa a três fatores: a prioridade que o governador Omar Aziz dá à segurança da população, o apoio e voto de confiança do cidadão e a dedicação dos policiais no combate aos criminosos. Sem isso, viatura nova e bem equipada não significaria nada”, afirmou.

O comandante em exercício da zona Centro-Sul, major PM Marlon Benfica, ressalta que a zona tem grande movimentação de pessoas por conta dos centros comerciais e dos shoppings, por isso, o Comando de Policiamento de Área (CPA) tem intensificado o policiamento nos pontos estratégicos, evitando o furto e roubo contra os pedestres.

Ele informa ainda que as rondas policiais feitas com as viaturas  tem inibido os casos de roubo nas residências, principalmente, nos conjuntos residenciais. “A população tem nos ajudado a reduzir os índices fazendo contato direto pelos telefones das viaturas e também com o disque-denúncia (181). Temos atendido as ocorrências com rapidez, dando uma resposta aos moradores e aumentando a sensação de segurança de todos”, informou.

Estrutura

A zona Centro-Sul é coberta por quatro Distritos Integrados de Polícia (DIP), cada um com companhia da Polícia Militar e delegacia da Polícia Civil, onde atuam 672 policiais em 143 viaturas, entre carros e motocicletas. É a terceira área atendida pelo programa Ronda no Bairro e abrange os bairros Parque 10 de Novembro, Flores, Novo Aleixo, Adrianópolis, Aleixo, Nossa Senhora das Graças, São Geraldo, Chapada e partes da Cidade Nova e Dom Pedro.