Publicidade
Manaus
Manaus

Ex-prefeito de Manaus é inocentado pelo TJ-AM em ação popular

Serafim Corrêa foi acusado pelo ex-secretário de Obras, Porfírio Lemos, de doar um terreno na Ponta Negra a uma igreja, em Manaus, em troca de votos para o filho 17/04/2012 às 12:26
Show 1
Serafim Correa é inocentado em processo que apurava supostas irregularidades em doação de terreno
acritica.com Manaus

O Tribunal de Justiça do Amazonas (Tjam) inocentou, à unanimidade, nesta segunda-feira, 16 de abril, o ex-prefeito de Manaus e economista, Serafim Corrêa, em um processo no qual ele era acusado de doar um terreno a uma igreja, em Manaus, irregularmente. Durante o julgamento, o relator da matéria, desembargador Paulo Lima, votou contrário à sentença e foi seguido pelos desembargadores Jorge Lins e Sabino Marques, derrubando a decisão anterior que o condenava, inclusive, à aplicação de multa.

Serafim era acusado de doar irregularmente um terreno na Ponta Negra, área nobre da cidade, ao Ministério Internacional da Restauração, em 2006, em troca de votos para o filho, Marcelo Serafim, que pouco depois se candidatou a um cardo na Câmara dos Deputados e venceu as eleições. A ação, de autoria do ex-secretário de obras, Porfírio Lemos, foi arquivada.

Em seu blog na internet, Serafim disse, em tom de desabafo, o seguinte: ”durante quase quatro anos sofri uma ação judicial na qual era acusado de ter feito doação de um terreno a uma igreja que, em verdade, não fiz. Ainda há pouco a 1ª Câmara do Tribunal de Justiça do Amazonas julgou o meu recurso e por unanimidade deu-me razão. Reitero a minha confiança na Justiça que pode até tardar, mas não falha”.