Publicidade
Manaus
Manaus

Extravagância: TCE-AM adquire máquina de café por R$ 7,3 mil

Em uma rápida pesquisa na internet, é possível verificar que máquinas da mesma marca estão disponíveis para compra por valores bem inferiores, os quais variam entre R$ 2,9 mil e R$ 4,9 mil 08/01/2013 às 11:22
Show 1
TCE/AM
Ana Carolina Barbosa Manaus

O Tribunal de Contas do Estado do Amazonas (TCE-AM) adquiriu, por R$ 7,3 mil, uma máquina de café expresso de marca e modelo Saeco Idea Coffee, extravagância cujo registro consta no Diário Eletrônico da corte desta segunda-feira (07/01). A aquisição está inserida em uma lista de compras efetivadas em dezembro, que totaliza R$106,1 mil, entre bens de consumo e permanentes.

Em uma rápida pesquisa na internet, é possível verificar que máquinas da mesma marca estão disponíveis para compra por valores bem inferiores, os quais variam entre R$ 2,9 mil e R$ 4,9 mil.


Ainda nesta edição do Diário Eletrônico do TCE-AM consta a aquisição de 65 cestas natalinas ao valor de R$ 4,6 mil (R$ 71 cada) e de um veículo modelo Renault, por R$ 36 mil – a compra deste último item havia sido adiantada pelo presidente do TCE, conselheiro Érico Desterro, no final de 2012, sob a justificativa de renovação da frota da corte.

Agora, o TCE passa a dispor de 16 veículos para atender as suas necessidades, já que 12 outros carros com idade mais avançada, irão a leilão este ano, conforme informou em dezembro de 2012 o presidente da corte, Érico Desterro.

Também foram adquiridos, conforme o Diário Eletrônico, 19 microcomputadores da marca HP por R$ 47 mil, uma média de R$ 2,5 mil por unidade. No mês passado, Desterro informou que a admissão de cinco pessoas da área de informática exigiu uma remodelação do setor, com novos equipamentos. Além disso, ele também explicou, à época, que haveria uma ampliação no setor de engenharia em função da contratação de 25 novos engenheiros para o órgão.

Consultado nesta segunda-feira, presidente do TCE informou ao telefone que não tinha como dar maiores detalhes sobre as compras visto que o secretário-geral do TCE-AM, Fernando Elias, é também o ordenador de despesas do tribunal e saberia repassar maiores informações a respeito.

Ao tentar contato por telefone com Fernando, pelo celular de número 99XX- XX16, ele não atendeu a chamada e, sem seguida, seu telefone foi desligado, conforme gravação da operadora.