Publicidade
Manaus
Manaus

Familiares identificam corpo de jovem encontrado na BR-174; vítima teve mão decepada

Geissiane Vieira Ribeiro, de 19 anos, estava desaparecida desde a manhã da última quarta-feira (8). Policiais militares  afirmam que, provavelmente, a vítima foi estuprada porque quando encontrada ela estava apenas com sutiã e blusa preta. Ao lado do corpo, estavam a calcinha e um short 20/07/2015 às 16:36
Show 1
A jovem estava desaparecida desde o dia 8 de julho, quando saiu da casa do namorado.
Kamyla Gomes Manaus (AM)

Após 11 dias desaparecida, familiares reconheceram nesta segunda-feira (20), no Instituto Médico Legal (IML), o corpo de Geissiane Vieira Ribeiro, de 19 anos, que foi encontrado na tarde do último sábado (19), no quilômetro 9 da BR-174 (Manaus/Boa Vista).

Conforme policiais militares da 20° Companhia Interativa Comunitária (Cicom), provavelmente, a vítima foi estuprada. Geissiane foi encontrada com a mão esquerda cortada e estava apenas com sutiã e blusa preta. Ao lado do corpo, estavam a calcinha e um short. Os cabelos da vítima também foram cortados.

De acordo com a Polícia Civil, a jovem estava desaparecida desde a manhã da última quarta-feira (8). O pai da vítima informou que nesse dia Geissiane entrou em contato com ele para avisar que estava saindo da casa do namorado, no conjunto Manoa, Zona Norte de Manaus.

Ainda conforme relatos do pai, eles ainda entraram em contato com o namorado de Geissiane, que informou tê-la visto pela última vez quando saíram juntos da casa dele para destinos diferentes. Ele se dirigiu ao seu local de trabalho e ela para o caminho de sua casa, no bairro São Jorge, Zona Oeste da capital.  

Abalados, outros familiares não quiseram se pronunciar. O caso será investigado pela Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS).