Publicidade
Manaus
Manaus

Foragido é preso após tentar subornar policiais

O acusado cumpria pena em regime semiaberto por tráfico de drogas e porte ilegal de arma, é suspeito de cometer vários homicídios e vai cumprir pena por corrupção ativa, no Complexo Penitenciário Anísio Jobim, em Manaus  29/10/2012 às 14:59
Show 1
O caso foi registrado no 25° Distrito Integrado de Polícia (DIP)
Bruna Souza Manaus, Am

O foragido João Carlos Adolfo da Silva, 28, conhecido como ‘Bocão’, foi preso na manhã desta segunda-feira (29), por policiais civis da Seccional Leste na rua Anador, bairro Armando Mendes, Zona Leste. Durante a prisão, ele tentou subornar policiais com dinheiro e uma arma. Os policiais fingiram aceitar a proposta e ainda prenderam outros três comparsas que levaram dinheiro para o foragido na delegacia.   

De acordo com informações dos policiais, no caminho a delegacia, o suspeito ofereceu R$ 3 mil e mais uma arma de fogo para que fosse liberado.

Mais três presos

Os policiais fingiram aceitar a proposta. Na delegacia, o foragido ligou para conhecidos pedindo dinheiro. Após a ligação, três pessoas foram no 25° Distrito Integrado de Polícia (DIP) com os R$ 3 mil.

Os três foram presos por coautoria de corrupção ativa. São eles: o manobrista Juciney Souza da Costa, 37, a industriaria Francisca da Silva Costa, 39 e a dona de casa Maria de Fátima Vieira Pereira, 26.

Na delegacia, o celular do acusado foi verificado e os policiais encontraram um vídeo sobre a morte de um suposto traficante, conhecido como ‘Azedo’ que teria dívidas de tráfico com o grupo de ‘Bocão’.

João Carlos é conhecido da polícia, por tráfico de drogas na zona Leste e também é suspeito de participar de diversos homicídios na cidade. O suspeito será encaminhado para ser ouvido na Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS) e os três presos por coautoria irão para a cadeia pública Raimundo Vidal Pessoa, já que o crime é inafiançável.

O acusado cumpria pena em regime semiaberto por tráfico de drogas e porte ilegal de arma no Complexo Penitenciário Anísio Jobim (Compaj). Esta é a segunda vez que ‘Bocão’ foge da cadeia. A primeira fuga ocorreu em março deste ano. Ele foi preso em julho e no mesmo mês, o traficante fugiu novamente.