Publicidade
Manaus
Manaus

Governo e Afeam anunciam financiamento de R$ 3 milhões para camelôs de Manaus

Dinheiro será viabilizado para camelôs que tiveram suas bancas realocadas das ruas do centro da cidade para as Galerias Populares e/ou Centro de Comércio Popular 23/07/2014 às 09:36
Show 1
Financiamento beneficiará ambulantes que foram retirados das ruas do Centro da cidade e instalados em outro locais
Jornal A Crítica ---

O Governo do Estado, por meio da Agência de Fomento do Amazonas (Afeam), realiza Ação de Crédito Especial para Ambulantes 2014. O valor disponível para esta ação é de R$ 3 milhões. Serão beneficiados camelôs ambulantes que tiveram suas bancas realocadas das ruas do centro da cidade de Manaus para as Galerias Populares e/ou Centro de Comércio Popular (CCP) e que estejam devidamente credenciados junto à Secretaria Municipal do Centro (SEMC), em conformidade com a Lei Municipal nº 1.840, de 30/10/2013 Art. 2º item I e II.

Segundo o presidente da Afeam, Evandor Geber Filho, a ação será dividida em duas etapas. A primeira será direcionada aos ambulantes que serão realocados para a galeria Espírito Santo, localizada na rua Epaminondas, no Centro, zona sul de Manaus. O atendimento iniciará nesta semana. “Não mediremos esforços para que todos sejam atendidos antes da inauguração da primeira galeria”, frisou Evandor. De acordo com o secretário Municipal do Centro, Glauco Francesco, a inauguração será no dia 31 de julho.

Em seguida, será dado o prosseguimento a esse trabalho, com o início da segunda etapa, quando será realizado atendimento aos ambulantes da Galeria dos Remédios, no antigo Posto Sete, localizada na avenida Miranda Leão. A previsão é de que esta ação seja finalizada em setembro.

Destinação

Os financiamentos serão destinados para Investimento Fixo (Máquinas/Equipamentos, Móveis e Utensílios, Construção Civil para pequenas reformas, a fim de adequar o ponto comercial); e Capital de Giro visando à formação e diversificação de estoques.

A fonte de recursos é procedente do Fundo de Apoio às Micro e Pequenas Empresas e ao Desenvolvimento Social do Estado do Amazonas (FMPES). Os proponentes com restrições na Afeam, independente do valor, não poderão ser beneficiados com o crédito.

Limites e prazos - O limite de crédito é de até R$10 mil com encargos financeiros de 5% a.a. O prazo para pagamento é de, no mínimo, 24 meses e, no máximo, 48 meses com carência inclusa de acordo com o prazo de pagamento definido. As garantias e os avalistas serão definidos após a fixação do limite de crédito a ser financiado.