Publicidade
Manaus
Manaus

Homem mantém mulher em cárcere privado para "economizar dinheiro"

Segundo a delegada Andréa Pereira, Júlio Cézar Monteiro Guimarães deixava a mulher trancada por medo que ela gastasse o dinheiro dele 04/12/2012 às 21:32
Show 1
O caso foi registrado na Delegacia Especializada de Crimes contra a Mulher
Kelly Melo Manaus (AM)

Um homem de 30 anos foi preso na manhã da última segunda-feira (3) por manter a esposa em cárcere privado por vários dias na própria casa, localizada na rua José Prestes, Japiim, Zona Sul de Manaus

O caso foi registrado na Delegacia Especializada de Crimes contra a Mulher, após Bruna Kirna da Silva Barreto, 22, tomar coragem e denunciar o marido, Júlio Cézar Monteiro Guimarães à polícia. 

A delegada Andréa Pereira contou que o suspeito foi preso na própria casa. Ela informou também que a vítima só conseguiu chamar a polícia porque o marido esqueceu o celular no local. “A Bruna disse que eles viviam assim há bastante tempo, pelo menos três meses só em Manaus, porque o casal veio do Pará”, explicou Andréa.

Segundo a delegada, Júlio deixava a mulher trancada por medo que ela gastasse o dinheiro dele. “Podemos dizer que ele possui distúrbio psicológico, pois a vontade dele era que a Bruna não saísse de casa para nada. E o pior de tudo, era que ele fazia isso para que a esposa não gastasse o dinheiro dele”, disse. O homem vai responder por cárcere privado e pode ficar de dois a cinco anos preso.

Outro caso

Na tarde desta segunda-feira (03), uma cabeleireira denunciou o ex-marido, um policial civil, também na delegacia. De acordo com relatos da vítima, Priscila Corrêa Fonseca, 26, o ex-marido bateu nela porque ela foi buscar o filho do casal, que estava com ele. Ao vê-la com a criança, o ex-marido teria lhe dado socos e puxado os cabelos da mulher. A delegada informou que já tomou as providências necessárias e que já solicitou a medida protetiva na Vara da Mulher.